Está aqui

Património

Beja com título de “Cidade de Excelência”

A Câmara Municipal de Beja recebeu a bandeira “Cidade de Excelência-nível III” naquele que é um reconhecimento atribuído pela Rede de Cidades e Vilas de Excelência.

Prémio Internacional Terras sem Sombra tripartido

O júri do Prémio Internacional Terras sem Sombra decidiu atribuir o prémio a “três casos exemplares”, ao nível global, nas áreas que são os pilares do festival: a promoção da música; a valorização do património cultural; e a salvaguarda da biodiversidade. 

Assim, os galardoados, foram o músico Péter Eötvös, a cidade de Albarracín e a associação que defende a diversidade das castas de videira portuguesas.

Templo Romano leva o Ministro da Cultura a Évora

“O Templo Romano de Évora” é o tema da jornada de apresentação dos trabalhos de conservação e de investigação realizados no Monumento, no ano passado, bem como da respetiva publicação científica, monográfica.

Esta apresentação decorrerá a 26 de junho, a partir das 9h30, no Auditório do Centro de Arte e Cultura da Fundação Eugénio de Almeida, em Évora, na presença do Ministro da Cultura, Luís Filipe de Castro Mendes.

Elvas “Cidade-Quartel Fronteiriça” inventariada

Há seis anos, Elvas via ser o seu inscrito na Lista do Património Mundial da Unesco pelas suas características de Cidade Fronteiriça e com guarnições fortificações.

Agora o Sistema de Informação para o Património Arquitetónico da Direção-Geral do Património Cultural disponibiliza dois novos inventários completo de mais dois monumentos on-line e que se juntam aos anteriormente disponibilizados, nuum total de 25 registos, ilustrados com 2437 imagens fotográficas.

 

Juromenha está a cair

O Estado de Degenerescência da Fortaleza de Juromenha, em Alandroal

 

Foi questionado o Sr. Ministro da Cultura na Audição da Comissão de Cultura, Comunicação, Juventude e Desporto, sobre a situação em que se encontra a Fortaleza de Juromenha.

Tendo em conta que as respostas foram pouco esclarecedoras e de certa forma desvalorizadas, houve a necessidade de reforçar o pedido por escrito ao Sr. Ministro da Cultura.

Avis já tem uma oficina para o mundo

Avis tem – a partir de hoje - a sua “Officina Mundi”, um estúdio e galeria de arte que será instalado no edifício do Convento de São Bento de Avis, em pleno Centro Histórico.

Será um espaço, que vai incluir uma grande diversidade de exposições, além do acolhimento de artistas nacionais e internacionais e encontros com agentes culturais, sessões de documentários e ficção, entre outros. A programação será definida anualmente  e tentará maximizar parcerias e a integrar iniciativas e programas culturais já existentes no Alentejo.

Estações e Apeadeiros Alentejanos dão prémio

Se é um apaixonado da fotografia, as Estações de Caminho de Ferro e Apeadeiros Alentejanos podem dar prémio, o Prémio Casa do Alentejo 2018.

O Prémio Casa do Alentejo 2018 é um concurso de Fotografia promovido pela Casa do Alentejo que festeja o seu 95.º aniversário a 10 de junho.

Esta é já uma das iniciativas de maior impacto da Casa e o tema deste ano visa as centenas de Estações de Caminho de Ferro e Apeadeiros Alentejanos.

 

“Em 1856, foi inaugurado o primeiro troço do caminho de ferro português, de Lisboa ao Carregado.

Passos de Cristo de Vila Viçosa já são monumento de interesse público

Surgiu sob a forma de despacho, no dia 19 de março, a classificação dos Passos de Cristo/Estações da Via Sacra de Vila Viçosa como conjunto de interesse público.

Alentejo, Património e Turismo - Desafios do Futuro

Vivemos uma fase de crescimento turístico sem precedentes.

Portugal tornou-se, nos últimos anos, no “país da moda”. As “luzes da ribalta” incidem sobre o nosso território e o aumento do número de visitantes tem sido exponencial, com especial incidência nas grandes cidades, como Lisboa e o Porto.

Será possível que este fluxo crescente seja estimulado também no interior do país, especialmente no Alentejo?

Penso claramente que sim!

ALCÁCER DO SAL SERÁ SEDE DO CENTRO DE ARQUEOLOGIA NÁUTICA

A sede do Centro de Arqueologia Náutica do Alentejo Litoral. Será na Amieira, em Alcácer do Sal e será um centro que visa promover a descentralização da investigação científica e académica em arqueologia subaquática, permitindo a criação de uma base de dados dos achados arqueológicos ao longo do rio, a Carta Arqueológica subaquática do Sado.

Páginas