Política Nacional

Quercus preocupada com projeto agroflorestal em Alcácer do Sal

A associação ambientalista Quercus manifestou-se preocupada com as dimensões de um projeto agroflorestal previsto para a Herdade da Batalha, em Alcácer do Sal, alertando para o aumento das ameaças e destruição da floresta autóctone.

Em comunicado, citado pela agência Lusa, a Quercus revelou que o projeto agroflorestal da Herdade da Batalha, cuja consulta pública do estudo de Avaliação de Impacte Ambiental (AIA) terminou na passada quarta-feira, tem uma “dimensão preocupante”.

Cante alentejano está vivo e “recomenda-se”

Pedro Adão e Silva, ministro da Cultura, destacou a importância da dimensão intergeracional do cante alentejano, considerando que esta arte polifónica está viva e “recomenda-se”.

O governante falava à agência Lusa a propósito da inauguração de um monumento ao cante alentejano, em Odemira, para assinalar os oito anos da classificação como Património Imaterial da Humanidade deste canto típico da região.

Assembleia Municipal de Marvão aprova Moção de Censura contra Presidente da Câmara

A Assembleia Municipal de Marvão aprovou esta sexta-feira uma Moção de Censura ao Presidente da Câmara, Luís Vitorino (PSD), proposta pelo grupo municipal do PS, a propósito deste ter sido condenado a três anos de prisão, com pena suspensa, e a perda de mandato por corrupção passiva.

A Moção de Censura foi aprovada com os votos a favor dos eleitos do PS e a abstenção do PSD na Assembleia Municipal de Marvão.

Congresso AMAlentejo apresenta conclusões e aponta caminhos para o futuro

O 3.º Congresso AMAlentejo, com o tema “Semeando Novos Rumos – Desenvolvimento e Governação Territorial: Desafios e Oportunidades”, realizou-se em Estremoz nos dias 18 e 19 deste mês.

Governos querem maior cooperação entre Sines e Roterdão

Os ministros dos Negócios Estrangeiros de Portugal e dos Países Baixos defendem a realização de uma conferência entre os portos de Sines e de Roterdão sobre a forma como podem enfrentar novos desafios energéticos.

De acordo com a agência Lusa, João Gomes Cravinho e Wopke Hoekstra encontraram-se numa reunião em Lisboa, onde foram discutidas a questão da energia e a desejada transição para energias mais limpas.

Autarca de Évora quer novo eixo para ligação férrea Lisboa-Algarve

Carlos Pinto de Sá, presidente da Câmara Municipal de Évora, defendeu a criação de um novo eixo ferroviário de alta velocidade pelo interior do país para a ligação entre Lisboa e o Algarve.

Em declarações à agência Lusa, a propósito do Plano Ferroviário Nacional (PFN), que foi apresentado na semana passada pelo Governo e que vai agora para discussão pública, o autarca afirma que a criação desta ligação, com passagem pelas “três maiores cidades do sul”, Évora, Beja e Faro, teria “a vantagem de, para além de outras, deslocar um eixo de mobilidade para o interior do país”.

Agricultores alentejanos contra extinção das direções regionais

A Federação das Associações de Agricultores do Baixo Alentejo (FAABA) e a Cooperativa de Moura e Barrancos manifestaram-se contra a decisão do Governo de extinguir as direções regionais de agricultura, avança a agência Lusa.

Dia em Memória das Vítimas da Estrada assinalado em Évora

O aumento do número de condutores apanhados com álcool este ano “é uma das questões que mais preocupa” o Governo e que exige trabalho, afirmou a secretária de Estado da Proteção Civil, Patrícia Gaspar.

Elvas quer investir cerca de 24,5ME em habitação social

José Rondão Almeida, presidente da Câmara de Elvas

As políticas relacionadas com a habitação social marcam as ‘linhas mestras’ do orçamento para 2023 da Câmara de Elvas (Portalegre), superior a 24,5 milhões de euros, verba “idêntica” à deste ano, revelou hoje o autarca.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Câmara de Elvas, José Rondão Almeida garantiu, no entanto, que vai efetuar, ao longo de 2023, “várias alterações que a lei permite” ao orçamento, o que elevará o documento para valores situados entre “34 a 35 milhões de euros de execução”.

Autarcas de Beja querem fórum sobre investimentos públicos

Os quatro presidentes de câmara da CDU no distrito de Beja desafiaram o Governo a organizar um fórum, para se estabelecer “um compromisso claro e objetivo” relativamente a investimentos públicos na região nas áreas da mobilidade e acessibilidades.

Páginas