Está aqui

Ciência

E se o caminho para o espaço passar por Ponte de Sor?

À primeira vista, a relação entre Ponte de Sor e o espaço parece ser distante, no entanto, o desenvolvimento do polo aeronáutico aí localizado e a realização, na passada semana, de um protocolo entre o Município e a Portugal Space – Agência Espacial Portuguesa vai certamente tornar essa ligação mais próxima.

Investigadores de Évora tentam melhorar a previsão de radiação solar direta

Investigadores do Instituto de Ciências da Terra (ICT) da Universidade de Évora publicaram um trabalho em que utilizam previsões a curto-prazo de radiação solar direta produzidas diariamente pelo Centro Europeu de Previsão do Tempo a Médio Prazo, em conjunto com medições locais à superfície em Évora para desenvolver métodos para melhorar as previsões.

Investigador da Universidade de Évora recebe bolsa de 1,5 milhões de euros

O Conselho Europeu de Investigação (ERC, do inglês European Research Council) atribuiu a Ricardo Agarez, professor no Departamento de Arquitetura da Universidade de Évora (UÉ), uma bolsa de investigação (Starting Grant) no valor de, aproximadamente, um milhão e meio de euros (€ 1.499.613,75).

Universidade de Évora descobre nova planta em Vila Nova de Milfontes

A Universidade de Évora anunciou a descoberta de uma nova planta endémica, “rara e fortemente ameaçada”, que cresce em charcos temporários e está “restringida a nível mundial a pequenas áreas da Costa Vicentina”, revela a agência Lusa.

A planta, denominada Helosciadium milfontinum, foi descoberta no âmbito de um estudo conjunto entre a Universidade de Évora (UÉ) e botânicos da Universidade de Oviedo, em Espanha.

Investigação da UÉ alerta para o impacto das alterações climáticas na biodiversidade marinha

Um estudo levado a cabo por Joana Portugal, doutoranda da Universidade de Évora (UÉ), explora os principais padrões globais de biodiversidade marinha e projeta de que forma estes poderão vir a modificar-se no final do século devido ao impacto das alterações climáticas.

Os resultados apontam para a migração generalizada de espécies para latitudes maiores de forma a encontrarem refúgio em áreas com uma maior adequação ambiental.

Projeto vai recuperar e inventariar património subaquático do Alentejo litoral

O projeto “Um Mergulho na História” vai recuperar e inventariar o património cultural subaquático do Alentejo litoral, de acordo com um protocolo entre a Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) e o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Segundo a Lusa, este protocolo vai permitir desenvolver “um sistema de informação geográfico que suporte processos de decisão e gestão do património cultural subaquático, o registo, análise e inventariação” dos sítios arqueológicos do litoral alentejano.

Benavente abre discussão pública sobre instalação de fábrica de canábis medicinal

A Câmara Municipal de Benavente abriu um período de discussão pública sobre a instalação de uma fábrica/estufa produtora de canábis medicinal na Herdade do Porto Seixo.

Este procedimento sucedeu-se após a aprovação da primeira fase do licenciamento da construção das infraestruturas para esta fábrica e, assim, os cidadãos do concelho de Benavente podem intervir sobre o licenciamento do complexo agrícola, com área registada de 261,45 hectares, onde será realizado o cultivo, recolha e secagem de plantas medicinais, em nome de José António da Silva Alves Inácio.

Politécnico de Portalegre quer criar Academia para o Hidrogénio

O Instituto Politécnico de Portalegre (IPP), no âmbito da Estratégia Nacional para o Hidrogénio, apresentou uma manifestação de interesse ao IPCEI-Hidrogénio (Important Project of Common European Interest), que recebeu um parecer favorável.

Das 70 manifestações de interesse para o desenvolvimento de projetos, 37 obtiveram parecer positivo, entre elas a do Politécnico de Portalegre.

Estudo realizado no Alentejo mostra os benefícios da esteva na dieta animal

Uma investigação realizada no Centro de Biotecnologia Agrícola e Agro-Alimentar do Alentejo (CEBAL) concluiu que existem vários benefícios na utilização de esteva na alimentação animal.

O projeto “CistusRumen – Utilização de Esteva na Alimentação de Ruminantes – Melhoria da eficiência alimentar e da qualidade dos produtos e redução do impacto ambiental” reuniu mais de 30 investigadores de 7 instituições nacionais durante 48 meses, com o objetivo de explorar a utilização da esteva ou dos seus extratos na dieta de ruminantes.

Universidade de Évora descobre nova espécie de nemátodes

Um estudo pioneiro liderado por Carlos Gutiérrez-Gutiérrez, do Laboratório de Nematologia - MED da Universidade de Évora, descobriu uma nova espécie de nemátodes à volta das raízes de uma erva, na localidade de Bordonhos, em São Pedro do Sul.

Os nemátodes são animais geralmente cilíndricos e alongados, que parasitam o homem, os animais domésticos e selvagens, os peixes de água doce e salgada, as plantas, as algas, fungos e até outros nemátodes. No homem, a lombriga intestinal (Ascaris Lumbricoides) é o mais conhecido entre os nemátodes parasitas.

Páginas