Está aqui

Sociedade

II Congresso Luso-Espanhol de Pecuária Extensiva será em Beja

Foi Beja o local escolhido para a realização do II Congresso Luso-Espanhol de Pecuária Extensiva, em 2020.

A primeira edição do congresso decorre em Sevilha, e foi lá que Rui Garrido, presidente da ACOS-Agricultores do Sul, anunciou que Beja receberá a segunda edição, em simultâneo com a 37ª Ovibeja.

Ferreira do Alentejo: Vale da Rosa aposta no enoturismo

A herdade do Vale da Rosa, em Ferreira do Alentejo, conhecida pela sua produção de uva de mesa - produz 13 variedades de uva de mesa, sete das quais sem grainha - tem uma nova aposta comercial e já investiu cerca de 100 mil euros num programa de enoturismo.

Delta aposta no WhatsApp para aproximação aos clientes

Rui Miguel Nabeiro, administrador da Delta e neto do fundador da empresa, Rui Nabeiro, revelou que a Delta tem uma estratégia comercial de aproximação aos clientes e que o WhatsApp deverá ser a principal plataforma de contacto da Delta com estes.

"Cozinha dos Ganhões" para provar em Estremoz

É um dos festivais gastronómicos de maior renome do Alentejo e tem casa em Estremoz.

Este ano de 29 de novembro a 2 de dezembro, a "Cozinha dos Ganhões", pretende promover não só a gastronomia, como também o Turismo.

Almaraz fecha em 2021?

A central espanhola de Almaraz, junto ao Tejo e a cerca de 100km dos distritos de Portalegre e Castelo Branco, cumpre 40 anos em 2021 e os movimentos antinucleares e ambientalistas defendem o seu encerro nessa data.

Esta semana, o secretário de Estado da Energia do governo espanhol, José Domínguez, realizou um anúncio importante neste sentido e referiu que o governo espanhol não prevê alargar a vida útil de nenhuma das suas centrais nucleares para além dos 40 anos.

Évora: Cultura e 70 anos da Declaração dos Direitos Humanos

Em Évora, no próximo 8 de dezembro, a Direção Regional da Cultura do Alentejo vai assinalar o 70.º aniversário da assinatura da Declaração Universal dos Direitos Humanos bem como os 40 anos da Adesão à Convenção Europeia dos Direitos Humanos com um seminário.

Sob o nome “Cultura e Direitos Humanos”, o seminário realizar-se-á entre as 9h30 e as 17h, na Direção Regional de Cultura do Alentejo, na Rua de Burgos, 5, em Évora, e contará com a participação de Andreia Brites, Luís Ferreira e Maria Vlachou.

Quem manda na água de Alqueva?

Quem manda na água de Alqueva? É esta a questão levantada pela FENAREG que questiona o Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva – EFMA, até agora gerido pela EDIA e para quem a gestão de Alqueva tem sido um sucesso.

21 KM pela monumentalidade de Évora

Évora é uma cidade plena de História e as suas ruas lembram isso a cada passo. É aproveitando essa riqueza que surge a quarta edição da EDP Distribuição Meia Maratona de Évora - Corrida Monumental, a última etapa do circuito EDP Running Wonders 2018.

Dia 25 de novembro, pelas 10h30, as ruas da cidade Património Mundial vão encher-se de atletas e curiosos para correr, caminhar ou aplaudir numa festa que trará à cidade alentejana milhares de participantes e visitantes.

A nova rota do Porco Alentejano

O porco Alentejano já tem uma rota definida no Alentejo e com objetivos promocionais turísticos quer do porco, quer da região em geral, valorizando o mundo rural, a autenticidade e o montado.

O montado alentejano é um ecossistema único e propício ao desenvolvimento com qualidade do Porco Alentejano.

A rota é uma iniciativa da Associação de Criadores do Porco Alentejano (ACPA), que, além do referido, pretende ainda dar a conhecer o seu modo de produção e a gastronomia associada ao porco alentejano e os seus produtos qualificados DOP e IGP.

Évora: Estudantes universitários na rua contra a falta de alojamento e bolsas

Esta semana, as cidades de Évora, Lisboa e Porto viram os seus alunos do Ensino Superior manifestar-se pelo fim das propinas, a escassez de residências universitárias, a oferta de quartos a preços exorbitantes e a insuficiência de bolsas.

Em Évora, estudantes revelaram que existem cerca de 530 camas em residências para aproximadamente oito mil alunos. Numa cidade que não tem sido alheia ao aumento da procura turística, os preços de quartos e casas para alugar dispararam e tornaram-se quase incomportáveis para os estudantes e famílias.

Páginas