Está aqui

Cinema

3 centenas de filmes em competição no festival internacional de curtas metragens de Évora

Entre 10 e 15 de Setembro, o FIKE 2019 festival internacional de curtas metragens de Évora é por 5 dias um festival de cinema na rua, na praça 1 de Maio, junto ao Mercado Municipal. A 16:ª edição do FIKE recebeu 3 centenas de filmes a concurso, de todos os pontos do mundo, cinema independente e de autor, nas categorias de ficção, documentário e animação, mas só 40 curtas metragens foram apuradas para a selecção oficial em competição.

3 notas breves sobre 3 filmes

As atribulações de uma espécie perdida imersa em beleza 

O amanhecer de L' Avventura (1960) - Antonioni e a solidão insuportável em dois planos, mais do que suficientes para abarcar a totalidade do pesar.

Estranha intuição, esta: perfeição entrevista e impossível de atingir.

Sincronia que um dia teremos de aceitar enquanto colecção de indivíduos - o dia antes da extinção. 

 

Homenagem aos povos indígenas marca Festival Internacional de Cinema em Marvão

Começa no próximo sábado a sétima edição do “Periferias – o Festival Internacional de Cinema de Marvão e Valência de Alcântara”.

Com um vasto programa, o festival luso-espanhol de cinema vai deambular pelas terras raianas de ambos os lados da fronteira - Marvão, Santo António da Areias, Valência de Alcântara, Beirã, La Fontañera, Castelo de Vide, Cedillo, Ammaia e Galegos - até 18 de agosto, com um programa que, além de muito cinema independente ao ar-livre, conta também com música, exposições e debates.

Português vence prémio de Melhor Curta-metragem no 25º Festival Ibérico de Cinema

A curta-metragem ‘Sleepwalk’ do cineasta português Filipe Melo ganha o Prémio Onofre pela Melhor Curta-metragem no 25º Festival Ibérico de Cinema (FIC), que finalizou na noite de sábado com a entrega dos Prémios Onofre, numa cerimónia celebrada no terraço do teatro López de Ayala de Badajoz. A gala pôs fim a cinco dias nos quais foram projetadas 35 curtas em diferentes secções.

Filme sobre o Alentejo "Raiva" abre Festival Ibérico de Cinema em Badajoz

O filme português ‘Raiva’, do realizador Sérgio Tréfaut, abre o 25º Festival Ibérico de Cinema em Badajoz a 15 de julho.

O premiado filme português ‘Raiva’, do diretor Sérgio Tréfaut, abre o 25º Festival Ibérico de Cinema (FIC) no dia 15 de julho, às 22:30 horas, no terraço do Teatro López de Ayala de Badajoz. Esta longa-metragem de ficção é uma adaptação da novela ‘Seara de vento’ do escritor Manuel Fonseca e conta uma tragedia que aconteceu nos campos do sul do Alentejo em 1950.

Troia-Comporta oferecem cinema ao ar livre todas as sextas e sábados

Numa parceria com a NOS, o Troia regressa neste verão com as sessões gratuitas de cinema ao ar livre nas noites de sexta-feira e sábado. A programação traz filmes para toda a família que serão exibidos até 14 de setembro. Os mais icónicos filmes de animação, ação, drama e comédia, estão em cartaz no Cine NOS Troia, situado no anfiteatro do Jardim do Norte, da Alameda Pinheiro Manso.

Orson Welles - o homem das margens no meio de um filme...

Famoso pelas entradas e saídas de cena – mais pelas entradas, verdadeiros esplendores onde a militância artística (jogo de expectativas para com o espectador ideal) exercitava competências em plena consonância com um aspecto físico que remetia para os portentos da mitologia pagã –, Orson Welles era também um actor fabuloso.

Notas sobre o cinema mudo

1 - Der Leztze Mann (1924, F.W. Murnau): A insustentável leveza de um corpo despido da farda

Ou o fardo do infinitésimo descaracterizado

Ou a aterradora consciência do quase vazio do limite inferior (incrivelmente denso)

Ou o realizador como um três de três: mestre-de-cerimónias, deus farsante e regulador da experiência

Ou, ainda, o filme que definiu a modernidade.

 

2 - O Cinema-Olho de Dziga Vertov, O Homem da Câmara de Filmar (1929):

Cartão Jovem faz 33 anos e passa a aplicação digital (app)

O Cartão Jovem celebra 33 anos. Os nascidos na década de 90  e de 2000 conhecem-no bem São três décadas de serviços à juventude na mobilidade, alojamento em todo o país e acesso à cultura e entretenimento em Portugal e na Europa.  
  
Ao chegar aos 33 anos o Cartão Jovem transforma-se em nova app, tendo atingido nos primeiros dias o primeiro lugar na categoria de similiares na Play Store e App Store. Agora, já não é necessário o cartão físico para aceder ao mundo de vantagens. Basta um smartphone, a app instalada e acesso à internet  
  

Espanhóis da Extremadura voltam a celebrar o 10 de junho português

Para comemorar o Dia de Camões e das Comunidades Portuguesas a região da Extremadura espanhola preparou novamente um programa de atividades ligadas à arte, ao cinema, à literatura, à música e à gastronomia portuguesas.

Páginas