Está aqui

Alentejo

Grândola investe 107 mil euros em Hortas Comunitárias

A Câmara Municipal de Grândola acaba de investir 107 mil euros num novo espaço municipal, as Hortas Comunitárias. Os acordos de utilização de parcelas destas novas hortas foram recentemente assinados entre o município e os hortelãos.

Em comunicado, a autarquia explica que este novo espaço municipal tem como objetivo promover “o incentivo à produção agrícola, a recuperação de técnicas e meios de cultivo tradicionais, o convívio e o lazer”.

Comércio local de Vendas Novas gera 400 mil euros

A campanha “Compre cá, compre o que é nosso”, promovida pelo município de Vendas Novas, gerou, durante o mês de dezembro, cerca de 400 mil euros, mais dois mil euros do que no ano passado.

Em comunicado, a Câmara Municipal de Vendas Novas refere que o objetivo desta campanha era “premiar quem escolhesse fazer compras no comércio tradicional, através da atribuição de uma senha por cada 10 euros gastos, ficando o cliente habilitado ao sorteio de um dos 10 vales de compras, a descontar nas lojas aderentes”.

Universidade de Évora quer regenerar o montado

A Universidade de Évora (UÉ) integra um novo projeto, com entidades espanholas e italianas e financiamento europeu, que pretende explorar o potencial da gestão dos matos como forma de regenerar e melhorar o montado.

Em comunicado, citado pela Lusa, a academia refere que faz parte do Projeto LIFE Scrubsnet “Regeneração e melhoria dos montados através da gestão adequada das áreas de mato/arbustos” através do MED – Instituto Mediterrâneo para a Agricultura, Ambiente e Desenvolvimento.

Jornadas do PCP arrancam hoje em Beja

As jornadas parlamentares do PCP começam hoje, segunda-feira, em Beja. Com uma duração de dois dias, o evento focar-se-á nos direitos laborais, sociais e culturais, com iniciativas ligadas à ferrovia, saúde, produção agrícola ou infraestruturas.

De acordo com a agência Lusa, o PCP começa as suas jornadas parlamentares com uma viagem de comboio entre o Pragal e Beja, durante a qual os deputados comunistas Paula Santos e Bruno Dias vão conversar com utentes e trabalhadores sobre “o plano nacional da ferrovia e os investimentos que são necessários realizar”.

Portugal do século passado em documentário a exibir em Évora

Luísa Homem, Realizadora

No dia 4 de fevereiro pelas 17h00, a associação cultural Fábrica Catalã, situada na Azaruja (Évora), exibe o documentário de Luísa Homem, Suzanne Daveau (2019, produção Terratreme).

Suzanne Daveau é uma geógrafa de nacionalidade francesa e portuguesa que atravessou o século XX (n. 1925) e se apresenta neste filme como uma presença de mulher forte e notável na área científica da geografia (ao lado de outro grande geógrafo falecido em 1997, Orlando Ribeiro, o seu marido e companheiro no trabalho científico).

Portalegre vai receber grande maratona BTT

É já no próximo dia 14 de Maio que Portalegre vai voltar a receber uma grande maratona de BTT, naquela que será a nova “aventura” da DAP – Associação Desporto e Aventura de Portalegre, que pretende voltar a transformar Portalegre na capital das maratonas de BTT.

Elvas vai ser palco de música ibérica

O Pavilhão Multiusos de Santa Eulália acolhe o evento “Noite Ibérica” no próximo dia 11 de Fevereiro, com início às 19:30h.

Berta Miranda, José Leal, Jéssica Fortalezas, Toy Faria, Escuela Puro Flamenco de Badajoz, Nuno Cirilo e Jorge Clérigo integram o cartaz cultural.

Numa organização de “O Leme”, a grande noite de fado e flamenco conta com degustação gastronómica.

Alcácer do Sal inaugura amanhã novo Centro de Negócios

João Grilo, presidente da ADRAL

O Centro de Negócios de Alcácer do Sal, no Edifício Pomba Cupido (Largo dos Açougues), vai funcionar com espaços de cowork e incubação de empresas, «destinada a estimular a capacidade criativa e empreendedora, contribuindo dessa forma para modernizar o tecido empresarial de Alcácer do Sal e da região», refere o Município numa nota à imprensa.

Inversão demográfica, o “super” desafio regional!

No combate ao despovoamento e envelhecimento dos territórios, no caso do nosso país e concretamente nos concelhos de interior, como é o caso da maior parte da região alentejana, o fator das condições de empregabilidade e de estabilidade profissional para as famílias é determinante, quer na melhoria das condições de vida e da capacidade de atração, empresarial e populacional, quer no aumento das taxas de fecundidade e natalidade e consequentemente na melhoria dos índices de desenvolvimento económico e de estabilidade social do território.

10 milhões de euros para reativar linha que liga Sines a Elvas

Infraestruturas de Portugal vai investir a quantia 10 milhões de euros para reactivar um ramal ferroviário no complexo de Sines para assegurar escoamento de materiais poliméricos a partir do porto.

Páginas