Está aqui

Artigos publicados

As peripécias de um candidato autárquico

Apesar de não ser um novato nestas andanças, talvez seja a primeira vez em que assumo um papel de maior destaque, na corrida às autárquicas.

A experiência demonstrou-me, ao longo de diversas campanhas, que a exposição pública e o escrutínio sobre os nossos comportamentos e ações são elevadas e cada movimento é visto com toda a atenção, sobretudo num meio pequeno, como aquele em que resido. Basta um pequeno deslize para originar um boato.

Quando se festejavam os “Santos Populares”, na Princesa do Alentejo!

Ontem fiz uma viagem ao passado, recordando a Vila Viçosa de outros tempos, quando eu ainda era uma criança!

Não sendo saudosista por natureza, regressei a memórias de há 35 anos, quando se comemoravam os Santos Populares nas Ruas de Santo António e dos Combatentes da Grande Guerra, em pleno coração do burgo calipolense.

Vila Viçosa  - “A Bela Adormecida”?

Depois de um período extremamente conturbado, a tendência vai claramente no sentido de aliviar as restrições impostas nos últimos e longos meses, por causa da pandemia. O processo de vacinação decorre a bom ritmo e o aproximar do verão traz consigo um novo sinal de esperança.

Vila Viçosa – Razões para uma candidatura, rumo à mudança

Vila Viçosa precisa de um novo caminho. A constatação deste facto, talvez partilhada por uma larga maioria, tem como consequência o dever moral de participação cívica dos Calipolenses na construção de uma alternativa válida.

As últimas décadas, no que aos sucessivos executivos camarários diz respeito, tiveram como herança uma estagnação visível em diversas áreas, cujo principal resultado foi a deterioração da qualidade de vida no concelho, aliada a uma total ausência de perspectivas e projetos de futuro.

Estrada de Bencatel: beco sem saída ou esperança ao virar da esquina?

Subitamente, quase sem aviso prévio, em meados de janeiro, procedeu-se ao corte da estrada nacional nº 254, que faz a ligação entre Bencatel e Vila Viçosa. 

Há muito que circulavam rumores de que tal pudesse acontecer, tendo em conta o que tinha ocorrido há mais de dois anos, aquando da fatídica derrocada da estrada de Borba, naquele trágico dia 19 de novembro de 2018, que infelizmente nunca esqueceremos…

Presidenciais: Alentejo no olho do furacão!

Muita tinta tem corrido sobre o resultado eleitoral das Presidenciais verificado no Alentejo. De repente, o País "sábio, racional e letrado" olhou para a região com uma enorme desconfiança, surpreendido com a mudança radical do sentido de voto, habitualmente concentrado à esquerda.

Florbela Espanca - 90 anos da sua morte

Assinalavam-se, entre hoje e amanhã, os 126 anos sobre a data de nascimento e os 90 anos da morte da grande poetisa alentejana, Florbela Espanca.

O seu desaparecimento continua envolto em mistério. Terá ocorrido na noite de dia 7 de Dezembro, às 22 horas, conforme a versão oficial? Terá falecido na madrugada de dia 8? Suicídio ou morte natural? 

O dia 8 está para sempre associado à sua própria existência. Foi nesta data que nasceu, foi num dia de Nossa Senhora da Conceição, padroeira de Vila Viçosa, que casou pela primeira vez e terá sido num dia 8 que partiu...

Covid-19: Desta vez, tocou-nos de perto!

Sabíamos que este dia ia chegar, mais cedo ou mais tarde. Mas quando a desgraça nos toca de perto, dói com mais intensidade. Vila Viçosa vive dias difíceis.

Infelizmente, foram os nossos que acabaram por ficar doentes ou isolados, à espera de respostas. Quando o mal está longe, sofre-se de outro modo.

Estávamos preparados para o que está a acontecer? Provavelmente não… Mas quem estava, desde que tudo começou?! O que importa agora é dar respostas cabais e tentar acudir a todos. É isso que seguramente está a ser feito!

Este ano não há Capuchos!

Todos os anos, ao aproximar-se o fim do mês de Agosto, a alma dos Calipolenses enchem-se de júbilo e de ansiedade. As tão esperadas Festas dos Capuchos estão a chegar e Vila Viçosa aguarda, desejosa e em êxtase, o avizinhar desses dias memoráveis do início de Setembro, onde o sagrado e o profano se unem, de forma indelével.

As novelas dos poderosos, por entre a perplexidade e a revolta

Façamos um simples exercício de memória. Nos últimos vinte anos, quantos foram os escândalos relacionados com práticas ilegais no universo da banca e da alta finança em Portugal?

Aqueles que muitas vezes surgiam como as referências idóneas do regime, os grandes empreendedores, os que mexiam a alavanca da economia, sempre tratados com grandes honrarias e aparentemente, a salvo de qualquer suspeita, acabam por ser, em grande parte e segundo notícias recentes, os maiores vilões do sistema.

Páginas