Está aqui

Cultura

O adeus de Évora aos monges do silêncio

A Fundação Eugénio de Almeida assinala a despedida dos monges Cartuxos do Mosteiro de Santa Maria Scala Coeli, em Évora, com um programa institucional que se realiza no próximo dia 26 de outubro, a partir das 17 horas no Auditório e Centro de Arte e Cultura da Fundação Eugénio de Almeida.

Empadas, vinhos alentejanos, doces e tapetes em Arraiolos. Tudo coisas boas

Começou por ser uma mostra gastronómica alentejana, sempre com os célebres tapetes como pano de fundo. Depois passou a valorizar outra riqueza local que hoje anda literalmente na boca do mundo, as empadas. Hoje é um evento que marca a abertura da época das feiras de outono no Alentejo e agrega uma mostra gastronómica, na sua 20.ª ediçáo, onde imperam os pratos com porco, vitela, sopas e açordas, um Festival da Empada, na sua 12.ª ediçáo e a Feira do Tapete de Arraiolos.

3 euros por duas cervejas e 3 bandas revelação no SHE em Évora

O circuito que dá palco à música portuguesa emergente passa em Évora no dia 26 de outubro, na Sociedade Harmonia Eborense e tem como alinhamento Lonzdale’s Fantasy, Solar Corona e First Breath After Coma.

Lonzdale’s Fantasy são os primeiros artistas a atuar neste circuito. O duo que não deixa ninguém indiferente é natural do Porto e constituído por Nils Meisel e Kenneth Stitt. A sua música tem influências de punk, hip hop e box, e ao vivo a performance é verdadeiramente memorável.

47 lendas alentejanas reunidas em livro

O livro Lendas Alentejanas, com textos de Fernando Santos Graça e ilustrações de Ricardo Inácio, é uma edição da Arandis Editora que integra o levantamento de 47 lendas, uma de cada concelho da região Alentejo.

Esta edição, bilingue (português – Inglês), surge na sequência de um projeto que teve início no Algarve, do qual resultou o livro Lendas Algarvias, que reuniu, pela primeira vez, Fernando Graça, jornalista autodidata e Ricardo Inácio, artista plástico e ilustrador, ambos algarvios, naturais do concelho de Loulé.

O alentejano Garcia da Horta vai ter Centro Interpretativo em Castelo Vide

Nascido em Castelo de Vide, lá por volta de 1500, Garcia de Orta foi um importante médico português que viveu na Índia e que foi pioneiro nas áreas da botânica, farmacologia, medicina tropical e antropologia, tendo revolucionado boa parte da medicina europeia e mundial da época.

Os seus pais eram cristãos-novos (judeus convertidos) da raia espanhola (Valência de Alcântara e Albuquerque) e que, provavelmente por terem sido expulsos de Espanha, vieram viver para o Alentejo.

Odemira à procura da História do Alentejo Litoral

Nos dias 18, 19, 20 e 26 de outubro, em Odemira, vão andar à procura da História do Alentejo Litoral.

Irá decorrer - nas localidades de Odemira, Vila Nova de Milfontes e em São Teotónio – o Encontro de História do Alentejo Litoral de 2019.

Pela primeira vez em 12 anos, o encontro – organizado pelo Grupo de Estudos do Território de Odemira – GESTO - não se realiza em Sines.

Há um novo ciclo de exposições para ver em Évora

No Centro de Arte e Cultura da Fundação Eugénio de Almeida (FEA), em Évora, há, desde ontem, um novo ciclo de exposições.

São três novas exposições, com foco no objeto: «Fahrenheit, a consagração de Babel», «Boundless Objects» e «Arquiteturas Pintadas – figuração pós-conceptual espanhola».

A Campaniça vai conquistar Lisboa

A viola Campaniça vai conquistar Lisboa, no próximo dia 29 de outubro, quando Pedro Mestre subir ao placo do Teatro Tivoli BBVA.

Já com uma carreira de 25 anos, um dos grandes herdeiros da tradição da viola de arame do Alentejo, a campaniça, Pedro Mestre, sobe ao palco pelas 21h30 e apresentará o seu mais recente trabalho: "Mercado dos Amores" e que evoca o Cante Alentejano, o improviso e o toque característico da viola campaniça.

Beja: "Património(s) do Sul" até amanhã

Marcado pelo cante, a gastronomia, o vinho e o artesanato, a edição 2019 da feira "Patrimónios do Sul” decorre em Beja, desde ontem e até amanhã, domingo.

A iniciativa é da Câmara Municipal e pretende dar destaque à identidade do território do sul do país nos domínios económico, cultural e turístico.

Históricos The Danse Society dão concerto em Beja a 31 de outubro

Os britânicos The Danse Society vão dar um concerto dia 31 de Outubro (Halloween) pelas 22h00 na Casa da Cultura de Beja. A abrir o concerto estará a banda lisboeta Wildnorthe que irá apresentar o seu novo álbum Murmur.

Depois do concerto haverá uma afterparty de Halloween em A Casa - Oficina Os Infantes com os DJs Hang the DJ e Spooky M. Nos dias seguintes ambas as bandas apresentam-se novamente juntas. No dia 1 de Novembro será em Loulé, no Bafo de Baco, e no dia 2 de Novembro em Lisboa, no Sabotage Club.

Páginas