28 Novembro 2019      17:56

Está aqui

O melhor da doçaria conventual e palaciana nacional na histórica Alcáçovas

Bolo Conde de Alcáçovas, o Bolo Real, as Sardinhas Albardadas e os Amores de Viana são os reis de um certame que já se afirmou como um dos eventos de inverno da região que atrai cada vez mais visitantes para ver a arte das melhores doceiras de vários pontos do país. Falamos na Mostra de Doçaria que decorre entre 6 a 8 de dezembro, em Alcáçovas, que revela o melhor da doçaria conventual e palaciana, na 20ª edição da Mostra de Doçaria promovida pelo Município de Viana do Alentejo em parceria com a Junta de Freguesia de Alcáçovas.

Pelo 8º ano consecutivo a Mostra apresenta o Concurso de Doçaria Conventual e Palaciana promovido pela Junta de Freguesia de Alcáçovas que pretende sensibilizar para a importância da divulgação e preservação da doçaria tradicional portuguesa, respeitando a genuinidade de cada doce apresentado, com a atribuição de prémios aos melhores doces a concurso.

Esta 20ª edição vai contar também com várias sessões de showcooking para adultos com a presença do Chef Vítor Costa, do Centro de Emprego e Formação Profissional de Évora, e de doceiras do concelho, nomeadamente a Casa Maria Vitória e a Padaria do Ernesto.

Para além dos doces, as estrelas do certame, o Município de Viana do Alentejo preparou também um programa cultural que abarca dança, cante alentejano que comemora o 5º aniversário da classificação como Património Cultural Imaterial da Humanidade pela Unesco, fado com Cláudia Picado e Lúcio Bamond, e o espetáculo musical com a Banda Par ou Ímpar.

O certame que decorre no Largo da Gamita, em Alcáçovas, pode ser visitado dia 6, a partir das 19h00, dias 7 e 8, a partir das 14h00. A Mostra encerra às 24h00, com exceção do último dia, em que fecha as portas às 20h00.

 

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.