Está aqui

UNESCO

Céu de Mértola reconhecido pela UNESCO e pela Organização Mundial de Turismo

A Fundación Starlight, criadora do sistema de credencia as zonas que possuem excelente qualidade de céu e que representam um exemplo de proteção e conservação, acaba de certificar o céu de Mértola como extensão da Reserva Darksky Alqueva, o que a integra no grupo das regiões com o mais belo céu observável para o chamado Turismo das Estrelas e o Astroturismo.

Esta certificação é reconhecida pela Organização Mundial de Turismo e pela UNESCO e integra uma estratégia local para o desenvolvimento turísticos, financiada pelo Alentejo 2020.

Imagem de capa de Miguel Claro.

Castro Verde promove Festival Sabores do Borrego na Páscoa

É reserva da Biosfera da UNESCO, nela ocorre um dos mais extraordinários espetáculos da natureza no País, quando os grous para ali se deslocam em dezembro e é muito zelosa com a harmonia entre a atividade e intervenção humana na paisagem e o habitat excepcional onde vivem espécies únicas e simbólicas como a Abetarda, que apenas ali nidifica.

Mértola "merece" ser Património da Humanidade

A declaração é de Luís Castro Mendes, Ministro da Cultura, feita ontem numa visita à vila de Mértola, no Baixo Alentejo, considerando que há todas as condições para que Mértola venha a merecer a distinção da UNESCO, se a candidatura for exemplar.

BIBLIOTECA DE CASTRO VERDE INTEGRA REDE DA UNESCO

A autarquia de Castro Verde anunciou que a Biblioteca Municipal Manuel da Fonseca passou a integrar a Rede de Bibliotecas Associadas à Comissão Nacional da UNESCO. Com uma rede de mais de 500 bibliotecas, a Biblioteca de Castro Verde junta-se assim às congéneres do Baixo Alentejo de Aljustrel, Beja, Ferreira do Alentejo, Ourique e Serpa.

A Biblioteca Municipal Manuel  da Fonseca foi inaugurada a 22  de abril de 1995, em homenagem ao escritor do  neo-realismo português que integrou o Novo Cancioneiro. A sua obra é fundamental para compreender o Alentejo do século XX

VIANA DO ALENTEJO RECEBE COMISSÕES UNESCO DA CPLP

Viana do Alentejo recebe no próximo dia 13 de dezembro as Comissões Nacionais da UNESCO de Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, que vêm ao Alentejo conhecer em conferência, os diferentes patrimónios imateriais da região, reconhecidos pela UNESCO nos últimos anos.

ALENTEJO ASSEGURA A ARTE DO PRESÉPIO TRADICIONAL PORTUGUÊS

O Centro UNESCO de Arquitetura e Arte deu o alerta: a arte do Presépio Tradicional Português está a definhar e poe mesmo vir a extinguir-se num curto prazo.

Assim, e de modo a reverter a situação, e assegurar o futuro desta arte e transmitir os seus preceitos aos mais novos, mesmo adaptando-a aos tempos de hoje, em Santiago do Cacém, decorre a construção de um Presépio Tradicional Português com a intervenção dos moradores do centro histórico da localidade do litoral alentejano.

BONECOS DE ESTREMOZ SÃO PATRIMÓNIO DA HUMANIDADE

Uma delegação portuguesa, integrada pelo presidente da Região de Turismo do Alentejo, Ceia da Silva e pelo presidente da câmara de Estremoz, Luís Mourinha, avança a partir da Coreia do Sul, que os "Bonecos de Estremoz" foram declarados património da humanidade e integram agora a selecta lista da UNESCO.

ÉVORA CELEBRA HOJE 31 ANOS COMO PATRIMÓNIO DA HUMANIDADE

Évora celebra hoje, 25 de novembro, o 31.º aniversário da classificação do seu Centro Histórico como Património Mundial pela UNESCO, como uma sessão evocativa às 16h00, nos Paços do Concelho.

Nesta sessão intervirão o presidente da Câmara, Carlos Pinto de Sá, e António Candeias, o investigador e diretor do Laboratório HERCULES da Universidade de Évora, que desde 2009 se dedica ao estudo e valorização do património cultural através das tecnologias mais avançadas que existem no mundo, sendo mesmo considerado o laboratório mais avançado da europa.

 

JOSÉ ANTÓNIO FALCÃO: DE BEJA PARA O EUROPAE THESAURI

José António Falcão é o novo vice-presidente da Europae Thesauri, a associação internacional dos museus e tesouros de arte sacra, com sede na Bélgica.

Conservador de museus e professor universitário, José António Falcão esteve à frente do Departamento do Património Histórico e Artístico da Diocese de Beja, que se destacou pelo trabalho de salvaguarda da arte alentejana, incluindo a organização da rede de museus diocesanos e o restauro de mais de uma centena de edifícios.

MUSEU DA PAISAGEM VAI SER REALIDADE NO ALENTEJO

Vai nascer em breve o Museu da Paisagem, direcionado para a salvaguarda da paisagem e do património imaterial do Alentejo.

O acordo já foi assinado por Bengalinha Pinto - Presidente da Câmara Municipal de Viana do Alentejo e Ceia da Silva - Presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo,.

A cerimónia decorreu no recém-requalificado Paço dos Henriques, em Alcáçovas.

Páginas