Está aqui

Cultura

Reabre o Centro de Arte e Cultura da FEA em Évora

Já passaram dois meses do encerramento do Centro de Arte e Cultura da Fundação Eugénio de Almeida (FEA), mas segunda, 18 de maio, o centro vai reabrir.

O funcionamento vai cumprir todos os procedimentos necessários de higiene, segurança e distanciamento social, nomeadamente a obrigatoriedade de utilização de máscara a todos os presentes, bem como a desinfeção, higienização e ventilação regular do espaço, conforme indicado pela Direção Geral da Saúde.

Lendas do Alentejo, uma herança cultural a preservar

“E vós, formosas moiras encantadas,

Na noite de São João ao pé da fonte

Áureas tranças com pentes de ouro fino

Descuidadas penteando enquanto o orvalho

Nas esparsas madeixas arrocia

 E os lúcidos anéis de perlas touca…”

(Garrett 1963: 499)

Em Elvas, há biblioteca, filmes e música… à distância

Na próxima semana, a autarquia de Elvas vai levar a todos quatro serões mais animados com o “Festival Elvas em Casa”.

Com a atuação de bandas e artistas locais, o festival vai ser transmitido no Instagram da autarquia, de quarta-feira a sábado.

A abrir o festival estará a banda de covers Soversion. Na quinta, é a vez de Don Kapa e Double Mars. Seguem-se Rumo ao Sul e Chocko na sexta e o encerramento, no sábado, está a cargo de Origins e XP Covers.

Montemor-o-Novo e Avis cancelam iniciativas e Terras Sem Sombra adiado

Em Montemor-o-Novo, por despacho, foram cancelados todos os eventos e atividades no concelho enquanto durar o estado de calamidade.

A presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Novo, Hortênsia Menino, por questões de segurança e saúde pública, cancela assim todas as atividades até final de junho e onde se incluíam  o Mercado mensal , Marchas da saúde, a Expo Saúde, a 17ª Feira do Pão e Doçaria, a 115ª Festa dos Contos, o 13º Encontro Internacional de Marionetas, o Encontro Internacional de Aguarelas, o Ciclo da Primavera, e o Festival ContraCorrente.

Os temas da atualidade em debate e em direto

Vêm aí mais conferências/debate on-line da Associação Artística Vimaranense – ASMAV com a colaboração do Mais Guimarães e do Tribuna Alentejo.

Raquel Varela, Rui Tavares, Ana Gomes, Francisco Assis, André Teixeira, Manuel Sarmento, Elísio Estanque, Francisco Teixeira da Mota, Rua Assis, Inês Machado, Manuel Sarmento, e Rafael Marques são os nomes que compões os painéis que debaterão temas da atualidade.

Alandroal vai recuperar integralmente capela com mais de seiscentos anos

O município de Alandroal anunciou hoje o estabelecimento de um protocolo de colaboração com a Direção Regional de Cultura do Alentejo (DRCAlentejo), a Paróquia de Terena, S. Pedro e a Confraria de Nossa Senhora da Boa Nova, entidades proprietária e zeladora da Capela da Boa Nova, do século XIV, que vai permitir a intervenção de conservação, restauro e reabilitação daquele património histórico em três fases sucessivas.

Desconfinar o poder de acreditar

Há dois meses estávamos nas escolas. Abraçávamo-nos uns aos outros. Sentávamo-nos em círculo e as crianças poisavam a cabeça nos ombros umas das outras, enquanto pensavam em voz alta sobre a atitude do João, que mexia nas coisas dos outros sem pedir, ou da Maria, que todos os dias amuava no recreio.

A vida como sempre fora.

Fazíamos planos.

Fornos de Cal na Zona dos Mármores - Uma potencial candidatura a Património da Humanidade?

No dia 4 de Maio, procedemos a um novo levantamento relativo aos fornos de cal nos concelhos de Borba e de Vila Viçosa.

Os fornos de cal tinham uma especial relevância na vida das comunidades desta zona. Pelo menos desde a Idade Média que é conhecida a produção de cal, obtida através da liquidificação do mármore a elevadas temperaturas. O ciclo da transformação da cal consistia em calcinar o carbonato de sódio, entre 800 a 1000ºc, convertendo-o em óxido de cálcio/cal-viva e libertando o dióxido de carbono. 

Há um conto alentejano que vai ajudar o Serviço Nacional de Saúde

O autor e investigador Tiago Salgueiro, de Vila Viçosa, é um dos convidados da EMPORIUM EDITORA, para o projeto solidário que vai reunir uma coletânea de histórias em livro, cuja venda reverterá para a aquisição de equipamentos e dispositivos médicos, destinados ao Serviço Nacional de Saúde, na luta contra o COVID 19.

“À VOLTA DA FOGUEIRA”, é assim que se chama o livro, é uma coletânea de histórias solidárias, e que conta com conto de Tiago Salgueiro, que, segundo o autor "fala sobre um episódio caricato vivido no Alentejo, há muito tempo."

Biblioteca de Viana do Alentejo cria serviço de "take-away" de livros

A Biblioteca Municipal de Viana do Alentejo, que está encerrada devido à atual situação de contingência causada pela pandemia, tem disponível para a comunidade o serviço de empréstimo de livros, que designou de “Livros com Asas – Take-away”.

Este empréstimo pode ser efetuado em modo “take-away” ou de entrega ao domicílio. O serviço destina-se a todos os munícipes e tem disponível 4 menus: mini para crianças do pré-escolar, médio a partir dos 6 anos, grande para os jovens e extra-grande para adultos.

Páginas