4 Junho 2019      16:05

Está aqui

A gigante japonesa Fujitsu quer instalar um centro de proteção digital em Beja

A Fujitsu, companhia de tecnologias de informação e comunicação, está interessada em abrir, em Beja, um novo centro de competências, segundo o Diário do Alentejo.  O projeto, relacionado com a cibersegurança e a ciberdefesa decorre de um trabalho desenvolvido pelo Instituto Politécnico de Beja (IPBeja), na área da segurança informática e ao combate ao cibercrime. 

A Fujitsu e o IPBeja já assinaram um protocolo de cooperação que "prevê o desenvolvimento e a implementação de projetos de investigação aplicada nas áreas da cibersegurança e ciberdefesa, a promoção e comercialização de produtos e serviços desenvolvidos pelo UbiNet e a cooperação na realização de seminários e ações de formação profissional orientadas a empresas ou entidades públicas nas referidas áreas". 

Ainda segundo o DA, a empresa multinacional já manifestou interesse em instalar em Beja, um novo centro de competências nas áreas da proteção da informação digital, estando neste momento a decorrer as negociações para o efeito, como defende João Paulo Trindade, presidente do IPBeja.

 

Siga o Tribuna Alentejo no  e no Junte-se ao Fórum Tribuna Alentejo e saiba tudo em primeira mão

 

 

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.