Está aqui

mobilidade

Nisa garante transporte social e une as suas freguesias

Terá início amanhã, dia 7, o projeto da Câmara Municipal de Nisa e que garantirá o acesso aos transportes a toda a população.

Sob o nome de “Transporte Social”, os principais beneficiários serão os residentes nas freguesias rurais do concelho que verão assim melhoradas as acessibilidades entre as freguesias rurais e a sede do concelho.

A autarquia garante que este é um projeto pioneiro na área da mobilidade e transporte e garantirá uma alternativa válida e suplementar de transporte social aos munícipes das freguesias afastadas da sede de concelho.

Évora com intervenções na circulação ciclável na cidade

O município de Évora prepara-se para dar início às obras de ligação pedonal e ciclável entre o bairro do Bacelo e o Centro Histórico para "garantir melhorias de acessibilidade no setor norte da cidade e um maior equilíbrio em termos de repartição modal" com refere em comunicado. A intervenção, que é feita no âmbito do "Plano de Mobilidade Urbana Sustentável para o Concelho de Évora" estende-se também no setor sul envolvente às Muralhas, ao longo da Av.

Aljustrel exigiu variante ao Governo

O presidente da Câmara de Aljustrel, Nelson Brito, fez saber junto do secretário de Estado das Infraestruturas, Guilherme W. Oliveira Martins Governo, que Aljustrel quer a construção da circular à vila.

Esta necessidade da vila alentejana está identificada como prioritária, pela autarquia, há décadas e Nelson Brito apresentou ao Governo um projeto para a construção da circular e que será analisado em nova reunião, a ter lugar em setembro, com a intenção de que esta obra venha a integrar o Programa Nacional de Investimentos.

20 anos à espera

Assinalaram-se esta semana 20 anos da entrada em vigor da lei que prevê a obrigatoriedade da criação de acessibilidades em edifícios e ruas para pessoas portadoras de deficiência ou com dificuldade de movimentos.

A referida lei previa o prazo de 10 anos para a implementação das acessibilidades naqueles edifícios, sendo que findo esse prazo as entidades responsáveis seriam devidamente autuadas.

INTERIOR, MOBILIDADE SOCIAL E EDUCAÇÃO

Numa altura em que o tema da Educação tem sido uma constante na discussão em praça pública, maioritariamente pela dualidade das manifestações a que temos assistido em torno do apoio à escola pública ou contra os cortes nos contratos de associação, acredito, ultrapassando essa lógica de disputa, que a Educação é acima de tudo um processo de emancipação do indivíduo. Um processo, onde a aquisição de competências e habilidades sociais, tornarão esse mesmo individuo num cidadão com voz e responsabilidades, em concreto, no ambiente onde se insere.

TURISMO DO ALENTEJO LANÇA GUIA PARA TURISTAS CONDICIONADOS

O que é um paraíso de férias para si pode ser um pesadelo para muitas pessoas, condicionadas em termos de mobilidade, o que levanta problemas em termos de igualdade de direitos e oportunidades. A pensar neste problema a Turismo do Alentejo e Ribatejo lançou ontem um manual que dá a conhecer as condições de acessibilidade do território e quais os equipamentos com capacidade para receber todo o tipo de turistas, a que deu o nome Guia Técnico de Acessibilidade do Destino Turístico.

BEJA QUER CIDADÃOS A PARTILHAR CARROS

A Câmara de Beja integra neste momento, como cidade observadora, um projecto piloto europeu de carpooling, ou seja, de partilha de automóveis nas empresas e nos organismos públicos e que envolve Cracóvia (Roménia), Edimburgo (Reino Unido), Leuven (Bélgica), Perugia (Itália) e Toulouse (França).

BEJA TEM NOVOS TRANSPORTES PÚBLICOS

 
 
Já estão na estrada os novos autocarros urbanos de Beja. Para além de serem novos e mais confortáveis, possuem também acessibilidades melhoradas e servem neste momento 6 circuitos circulares.
 
Para além das novas máquinas estão ainda a ser ajustados os percursos, particularemente os que ligam os novos bairros residenciais aos centros escolares. A autarquia tem alertado os utentes para os novos horários, que podem ser vistos aqui.
 

Parque em Nova Iorque inova com o CityCharge

No Bryant Park, em Nova Iorque, longe vão os dias em que se tinha de comprar um café caro, de forma a conseguir-se arranjar uma tomada onde se pudesse carregar o telemóvel. CityCharge é um projeto urbano no qual estações de carregamento alimentadas a energia solar ali foram colocadas.