8 Abril 2016      16:13

Está aqui

GARE COMEMORA ANIVERSÁRIO COM CRÍTICAS À FALTA DE APOIO

A GARE – Associação para Promoção de uma Cultura de Segurança Rodoviária comemora este mês o seu 11.º aniversário com um balanço muito positivo mas também com críticas ao que chama de paragem completa do "investimento em segurança rodoviária, seja a nível central, seja a nível local".

Nascida em Évora a 11 de Abril de 2005, com o intuito de sensibilizar crianças e jovens para os valores da cidadania, num contexto de "ambiente rodoviário muito agressivo", a GARE tem vindo a construir uma relação sólida com entidades públicas e privadas, envolvidas na resolução da elevada sinistralidade rodoviária, o que tem resultado na redução do número de mortos na estrada e no número de feridos graves em acidentes rodoviários.

No seu balanço a associação refere a melhoria das estradas, veículos mais seguros, autoridades mais atuantes e preparadas, melhor legislação, melhor educação e pedagogia e as acções de sensibilização eficazes como contributos muito fortes e responsáveis pela redução de mortes, que em 2004 foram de 1135 pessoas e dez anos depois de apenas 482. Ou da redução no mesmo intervalo de 4190 feridos graves para 2152. A GARE alerta não só para o facto de ainda haver muito a fazer nesta matéria mas também para o aumento da sinistralidade rodoviária dentro das localidades.

Porém são várias as críticas que a associação faz em comunicado. A interrupção do financiamento de atividades de segurança rodoviária por ONG’s, com verbas do Fundo de Garantia Automóvel desde 2011, o fim dos financiamentos diretos do Orçamento do Estado, a inexistência de Planos Municipais de Segurança Rodoviária, aprovados em 2009 e a inexistência dos Observatórios Municipais de Segurança Rodoviária.

Apesar de ter desenvolvido projectos de muita qualidade e reconhecidos internacionalmente a associação desabafa que as dificuldades são muitas.

As actividades da GARE podem ser acompanhadas aqui.

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.