Está aqui

Artigos publicados

Socorro, acordei no Big Brother

Há muitos, muitos anos atrás, quando ainda era criança, um dos meus desportos favoritos consistia em procurar descobrir a forma de abrir o diário secreto onde a minha irmã depositava os seus mais preciosos e inexpugnáveis pensamentos. Aquilo parecia o Fort Knox.

Felizmente fracassei sempre.

No afeto do teu olhar

O dia anterior tinha sido terrível, com casos clínicos muito complicados e uma noite pessimamente dormida. Despertei ainda triste e pesado com a certeza da inevitabilidade de acordar para o que viria a ser um dia cinzento e carregado de nuvens negras...

Depois vi-te a correr para mim, com o sorriso a rasgar-te o rosto e com a tua boca desdentada a pronunciar as mais belas palavras mágicas

....

Bom dia papá

Foi o suficiente para imediatamente espalhares em mim uma manhã cheia de sol. É impressionante a força e o bem que os afetos positivos nos trazem à alma.

A Vida É Bela 2.0

A vida é Bela é o título que a Susana Pedro propôs para esta nova rubrica que agora partilhamos no espaço da Tribuna. Concordei de imediato e senti-me instantaneamente teletransportado para um dos filmes que mais me marcaram na vida.

E em simultâneo viajei para uma das minhas primeiras aventuras em contexto laboral, quando ouvia o benevolente Sr. Laranjeira, bem lá do alto da extraordinária sabedoria que os anos lhe permitiram acumular, declamando diariamente a sua eterna máxima:

- “A vida é Bela… a gente é que dá cabo dela…”