Está aqui

economia

PROFISSIONAIS DO TURISMO BRITÂNICOS ESCOLHEM O ALENTEJO

Serão cerca de 150 os profissionais britânicos do turismo que vão estar Alentejo, de 23 a 26 de novembro, para participar na Conferência Internacional da AITO - Associação de Operadores Turísticos Independentes do Reino Unido.

Derek Moore, secretário-geral da AITO, já explicou o porquê da escolha de Évora e do Alentejo para a realização do evento, referindo que se deveu ao facto de ser ainda um destino relevante, mas ainda relativamente desconhecido para a maioria, o que representará uma agradável surpresa a quem ainda não conhece.

COMISSÃO EUROPEIA E BANCO EUROPEU DE INVESTIMENTO VIERAM AO ALENTEJO

Évora recebeu esta semana - no auditório da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo - os representantes da Comissão Europeia em Portugal e do BEI - Banco Europeu de Investimento numa uma sessão de esclarecimento do Plano de Investimento.

MAIS UMA EMPRESA NO AEROPORTO DE BEJA

Pouco a pouco, o aeroporto de Beja vai crescendo no número de empresas que nele se vão instalando. Agora foi a vez da MESA, o uma empresa de engenharia e manutenção MESA, do grupo da companhia aérea HiFly.

O acordo entre a empresa e a ANA-Aeroportos de Portugal foi assinado esta semana, sendo que em abril do próximo ano começará a construção do hangar da MESA no aeroporto de Beja, estando terminado antes de 2019. A MESA, através de Paulo Mirpuri, presidente do Conselho de Administração da MESA e da HiFly, considera mesmo que o aeroporto de Beja tem uma localização privilegiada.

“INVASÃO” CHINESA FAZ CRESCER TURISMO NO ALENTEJO

O Turismo no Alentejo levava, no final de agosto, oito meses em crescendo situando a região acima da média nacional que também está a crescer.

Para tal, a mais recente “invasão” de turistas chineses ajudou a região a crescer mais de 20%, mais que a média nacional.

O Alentejo apresentou um crescimento em diversos indicadores como no número de dormidas, na receita por quarto disponível, na taxa de ocupação média e nos proveitos por aposentos.

POLACOS TAMBÉM SE RENDERAM A ALCÁCER DO SAL

Passou pela França, pela Alemanha, pela Bulgária, pela Espanha, pelos Estados Unidos e venceu em todos. Chegou à Polónia e fez o mesmo; o filme promocional do Município de Alcácer do Sal foi à Polónia participar no 12th FilmAT Film, Art & Tourism Festival, em Varsóvia – capital polaca – e trouxe estatueta vencedora na categoria “Best Script”.

A conquista polaca representa já o sétimo galardão internacional “Live a Day in Alcácer” arrebatou, naquela que é uma produção audiovisual da Ideias com Pernas, realizada por David Mendes, numa produção executiva da InfoPortugal.

ESTREMOZ E CASTRO VERDE NA LISTA DA TESLA

A Tesla assegurou que até final do ano Portugal iria ter supercarregadores seus e está a cumprir, estando mesmo já a ser instalado na zona de Fátima - próxima da A1 - o primeiro parque de supercarregador da Tesla em Portugal, constituído por oito carregadores.

Até final do ano, na lista da Tesla para receber os supercarregadores estão duas localidades alentejanas: Estremoz e Castro Verde. Até final de 2018, a empresa norte-americana planeia ainda ter supercarregadores em Braga, Vila Real, Guarda e Faro.

O ALTO ALENTEJO EXIGE A BARRAGEM DO PISÃO

Os autarcas e os agricultores do Alto Alentejo voltaram a exigir a construção da Barragem do Pisão, no Crato, pois acreditam que esta pode vir a resolver os problemas de falta de água na zona.

A seca deste ano, torna ainda mais veemente a exigência deste projeto hidroagrícola que é uma reivindicação que dura já desde o tempo em que Mário Soares era primeiro-ministro.

DELTA DESPERTA INTERESSE DOS SUL-COREANOS

Normalmente, a tecnologia e a inovação chega da Coreia do Sul a Portugal, não o inverso. Mas este é mesmo o caso que lhe apresentamos: a nova versão do robô da Delta – recentemente apresentado na Web Summit – despertou o interesse de investidores sul-coreanos e que estão interessados em comprar as patentes à empresa alentejana.

O FUTURO DA EUROPA

Quando colocamos a pergunta qual o foco da união Europeia e quais as linhas que devem suportar os orçamentos futuros, penso que não podem existir quaisquer hesitações que tem que estar suportado no crescimento económico.

A Europa tem que estar centrada nas pessoas. Essa é a grande diferença entre a União Europeia e outros países e regiões do Mundo.

Pedir aos cidadãos, pedir às empresas novos impostos ou mais carga fiscal, é um absurdo! A carga fiscal já é demasiado pesada e inibitória das liberdades.

PORTO DE SINES ABRE PORTAS AO MERCADO CHINÊS

O Porto de Sines continua a crescer e a expandir a sua influência e, neste sentido, a APS -  Administração dos Portos de Sines e do Algarve celebrou um protocolo de cooperação - em Xangai, no âmbito da Missão Empresarial à China -  na presença da Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, com a plataforma chinesa de Informação Pública de Transportes e Logística, Logink, e que visa a integração e partilha de informação relacionada com o transporte marítimo e portuário

Páginas