Está aqui

Tecnologia

OURIKA! O NOVO PARADIGMA DA ENERGIA SOLAR ESTÁ NO ALENTEJO

Vai ser a primeira grande central solar da Europa a produzir energia sem tarifas garantidas ou outros subsídios estatais e está no Alentejo.

Ourique – por ser a melhor localização da Europa para instalação de uma central solar fotovoltaica em regime de mercado, por ter a máxima irradiação solar na Europa continental e pela proximidade à RNT - Rede Nacional de Transporte de Eletricidade – foi o local escolhido para a localização da Ourika.

A PARTÍCULA DE DEUS ESTEVE EM ÉVORA

Fora da comunidade científica, é chamada a partícula de Deus por ser esta a partícula que permite que as demais possuam diferentes massas. Terá surgido com o Big-Bang e o nome científico é bosão de Higgs. Em padrão científico, o bosão de Higgs é uma partícula elementar bosónica e que representa a chave para explicar a origem da massa de todas as outras partículas elementares, ou seja, sem ela, nenhuma das partículas elementares teria massa, e o mundo não poderia ser como é.

O que que é isto tem a ver com Évora e o Alentejo?

HOSPITAL DE ÉVORA IMPLANTA PACEMAKER MAIS PEQUENO DO MUNDO

 A equipa de Cardiologia do Hospital do Espírito Santo de Évora implantou, ontem, 14 de setembro, o pacemaker mais pequeno do mundo e que não necessita de electrocatéter (“PM sem fios”).

Segundo comunicado daquele hospital "esta cápsula cardíaca mede apenas 2,5 cm e é colocada no coração através de um catéter inserido na veia femoral. O mini dispositivo é fixado às paredes do coração através de pequenos ganchos, fornecendo impulsos elétricos que estabelecem o ritmo cardíaco". 

SIMPÓSIO IBÉRICO "A CAL NA ARTE E NO PATRIMÓNIO EDIFICADO" NA UNIVERSIDADE DE ÉVORA

Já está disponível o programa do I Simpósio Ibérico "A cal na arte e no património edificado" que terá lugar nos próximos dias 19 e 20 de Outubro, na Universidade de Évora, numa organização da CLEPUL | ARTIS-IHA, da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e do Laboratório HERCULES, da Universidade de Évora.
 

ÉVORA: MECACHROME INAUGURA NOVA FÁBRICA A 13 DE OUTUBRO

30 milhões de euros investidos numa unidade de produção de peças metálicas para a aeronáutica em Évora, com 13 500 metros quadrados já concluídos, num total de 22 mil metros quadrados, a Mecachrome Aeronáutica, do grupo francês Mecachrome, que emprega já 65 dos 250 postos de trabalhos previstos, prepara-se para inaugurar a nova unidade a 13 de outubro.

Apesar de ter começado a operar em março deste ano, a nova fábrica continua a receber maquinaria, processo que estará concluído antes da data de inauguração.

CORTICEIRA AMORIM COMPRA MAIS UMA EMPRESA FRANCESA

A Corticeira Amorim acaba de comprar a empresa francesa Sodiliège.

A maior empresa transformadora de produtos de cortiça do mundo, que terá fechado os primeiros seis meses do ano com lucros de 43,7 milhões de euros, continua as suas aquisições no mercado francês, depois de há cerca de dois meses, ter adquirido por 39 milhões de euros, 60% do grupo francês Établissements Christian Bourrassé, a Corticeira Amorim acaba de fechar mais uma aquisição em França.

RELATÓRIO ZORRINHO APROVADO NO PARLAMENTO EUROPEU. INTERNET GRATUITA VAI AVANÇAR

O eurodeputado eborense Carlos Zorrinho acaba de ver aprovado pelo Parlamento Europeu o seu relatório sobre a iniciativa WiFi4EU, relativo ao plano europeu de distribuição gratuita de rede de Internet em espaços públicos, sejam parques, praças ou edifícios públicos por toda a União Europeia.

COMO FERREIRA DO ALENTEJO ENCONTROU O NOVO CLUSTER DOS FRUTOS SECOS

Ferreira do Alentejo, no Baixo Alentejo, conhecida pelo azeite e pela uva de mesa, tem estado a preparar-se para liderar um novo sector da agroindústria que as condições do solo e a disponibilidade de água com Alqueva permitem e que integram o conjunto de culturas alternativas aos sistemas agro-pecuários e florestais tradicionais. Falamos dos frutos secos.

BEACONS VÃO AJUDAR TURISTAS EM FERREIRA DO ALENTEJO

A plataforma SMIITY, desenvolvida pela portuguesa mobinteg, já está disponível em Ferreira do Alentejo, no Baixo Alentejo. Esta tecnologia, através de pequenos dispositivos emissores com tecnologia Bluetooth, os beacons,  servem de guia a turistas e residentes, através do envio automático de informação relevante e contextual para todos os smartphones que tenham instalada a aplicação do serviço SMIITY.

CIENTISTAS ALENTEJANOS ENVOLVIDOS NO PROJETO DO MAIOR RADIOTELESCÓPIO DO MUNDO

Chama-se SKA, o diminutivo de Square Kilometer Array, vai ser o maior radiotelescópio do mundo, com o diâmetro de um quilómetro quadrado, o dobro do maior equipamento existente e envolve uma equipa de investigadores mundiais, onde se contam 10 cientistas do Instituto Politécnico de Beja que estudarão o impacto ambiental das antenas e na área da Internet das Coisas e investigadores do Instituto de Telecomunicações, Universidade de Aveiro, Faculdade de Ciências da Universidade do Porto e Universidade de Évora.

Páginas