Está aqui

Tecnologia

Universidade de Évora cria refúgios para animais debaixo de postes de alta tensão

A Universidade de Évora e a REN – Redes Energéticas Nacionais estão a trabalhar em conjunto num projeto desenvolvido na academia eborense e que permite que se criem pequenos refúgios para pequenos animais em trânsito, por debaixo dos postes eléctricos, que distam entre si entre 400 e 500 metros.
 

Delta lança dispositivo móvel para servir café em qualquer local

O Grupo Delta acaba de apresentar um inovador sistema móvel ultracompacto que permite servir o café em qualquer parte, seja um evento desportivo, um festival de música ou até enquanto se espera pelo metro, comboio, autocarro, barco, etc.

Hospital de Évora recebe tecnologia única para detetar vírus e bactérias

O Hospital do Espírito Santo de Évora está desde ontem equipado com um sistema de diagnóstico laboratorial de microrganismos único no país, que permite acelerar a identificação de bactérias e vírus. Trata-se de uma solução de ponta, única nos hospitais públicos do país, segundo a administração do Hospital.

O sistema consiste em "novas ferramentas de diagnóstico in vitro' que permitem uma maior rapidez na identificação de microrganismos, em particular bactérias e vírus.

 

Évora ganha investimento de 5 milhões em fábrica de peças de carbono

O município de Évora aprovou como Projecto PIM (Potencial Interesse Municipal) e prepara-se para ceder um lote na Zona Industrial de Almeirim Sul à Pleasant Racing, uma empresa de fabrico de peças em carbono. A empresa pretende instalar em Évora uma unidade industrial para concepção e fabricação de carroçarias e peças em carbono especialmente para a indústria automóvel, aeronáutica, naval e eólica.

O investimento na unidade industrial supera os 5 milhões de euros segundo a autarquia e pretende vir a criar 53 postos de trabalho, entre 2019 e 2023.

 

Arena d'Évora, onze anos depois

Inaugurado em junho de 2007, o espaço multiusos Arena D'Évora, que resultou de uma reconversão de uma velha praça de toiros, continua a ser a maior sala de espectáculos da cidade de Évora, com uma lotação de 5 mil pessoas. O próprio centenário Teatro Garcia de Resende, inaugurado em 1892 e sede do Centro Dramático de Évora (Cendrev), tem apenas capacidade para pouco mais de 300 pessoas, se quisermos comparar com a centenária "sala de espectáculos" da cidade, ou os 500 lugares que a generalidade dos hotéis oferecem em Évora.

Redes Sociais precisam de monitorização e um novo modelo de "governance"

Carlos Zorrinho defende um novo quadro europeu de monitorização e um novo modelo de "governance" para as redes sociais.

“O uso de dados pessoais cedidos voluntaria ou involuntariamente pela rede social Facebook ou por outras redes e plataformas para manipular escolhas e opções políticas e comportamentos de massa coloca uma questão civilizacional”, afirmou o Eurodeputado Carlos Zorrinho, para quem “estão em causa valores fundamentais como a privacidade, a transparência, a confiança e em última análise a liberdade de escolha dos cidadãos”.

Universidade de Évora e empresa alentejana entram na corrida espacial

Portugal lançou o seu primeiro programa de iniciativa portuguesa na Agência Espacial Europeia (ESA) e conta com empresas e centros de investigação do país ligados ao Espaço, onde está incluída a Universidade de Évora. O projeto prevê a construção de um foguetão para lançar satélites para o Espaço, a partir da futura base espacial na ilha se Santa Maria, nos Açores.

Vaccum Flasher de 67 toneladas transportado de Sines para a Refinaria da Galp

Uma peça de grandes dimensões foi transportada do Porto de Sines para a Refinaria Galp através da empresa nacional de transportes especiais, a LASO. A peça, um "vacuum flasher" de alta tecnologia, que serve para aumentar a produção no processo de refinação de combustíveis e que foi desenvolvida pela SHELL, teve que ser transportada por transporte especializado, dadas as suas dimensões e peso.

Santiago do Cacém: Primeiro automóvel pisou solo português há 123 anos

Em Outubro de 1895, há precisamente 123 anos, desembarcava em Portugal o primeiro carro importado. Era um Panhard & Levassor e a uma velocidade máxima de 15km/h, levou três dias a chegar a Santiago do Cacém, numa viagem cheia de peripécias, nas mãos de  D. Jorge d´Avillez, um jovem visionário e aristocrata de Santiago do Cacém.

Em 2015 a efeméride foi marcada em Santiago do Cacém com um retorno do mesmo carro, que é propriedade do Automóvel Clube de Portugal (ACP).

Vendas Novas entrega 385 tablets a alunos e professores

Vendas Novas está a implementar um programa de sucesso escolar que abrange o ensino pré-escolar e o 1.º ciclo e envolve o recurso às novas tecnologias.

Páginas