Está aqui

Risco Máximo de Incêndio

Santarém e Portalegre em risco máximo de incêndio

Os distritos de Santarém e Portalegre apresentam hoje, segunda-feira, um risco máximo de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com a Lusa, em Santarém, os concelhos que se encontram em risco máximo de incêndio são Chamusca, Constança, Vila Nova da Barquinha, Abrantes, Sardoal, Tomar, Ferreira do Zêzere e Mação; enquanto em Portalegre os concelhos sob risco são Gavião, Nisa, Castelo de Vide, Portalegre e Marvão.

Alentejo em risco máximo de incêndio e aviso amarelo

Os concelhos de Mação e Sardoal em Santarém, e de Gavião, Nisa e Marvão em Portalegre estão sob risco máximo de incêndio esta segunda-feira, dia 24 de agosto, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Adicionalmente, os distritos de Portalegre, Évora e Beja estão sob aviso amarelo entre as 15h de hoje e as 19h de quarta-feira, devido à persistência de valores elevados da temperatura máxima.

Portalegre em risco máximo de incêndio e Alentejo sob aviso amarelo

O distrito de Portalegre encontra-se em risco máximo de incêndio, enquanto a restante região do Alentejo apresenta risco muito elevado a elevado de incêndio. Já o aviso amarelo devido à persistência do calor mantém-se durante o dia de hoje nos distritos de Portalegre, Évora, Beja.

De acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), este aviso irá vigorar até às 21h de domingo, dia 26 de julho. As temperaturas máximas vão chegar aos 38 graus em Évora, 37 graus em Beja e 35 em Portalegre.

Beja e Portalegre em risco elevado e muito elevado de incêndio

O outono não está  a facilitar a vida à Protecção Civil e aos Bombeiros. Com temperaturas acima dos 30º celsius o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) lançou um alerta de risco máximo de incêndio para 60 concelhos do país, sendo que Beja e Portalegre são dois distritos alentejanos em risco muito elevado e elevado de incêndio.