Está aqui

reciclagem

Produtores promovem recolha de rolhas de cortiça para reutilização

A Ravasqueira, juntamente com os produtores José Maria da Fonseca, Lagoalva e Lima & Smith, promovem uma campanha de sensibilização para o ambiente designada “Vinhos que vão bem com o ambiente” que decorre desde 5 de junho, Dia Mundial do Ambiente, a 31 de outubro.

O objetivo desta campanha é o de dar uma nova vida às rolhas de cortiça usadas, através da sua reciclagem e reutilização, e de contribuir para a reflorestação do território nacional com árvores autóctones.

Portugueses reciclaram mais em 2021

Foram recicladas, em 2021, 435 mil toneladas de embalagens, o que mostra um aumento de mais 6,4% face a 2020, uma demonstração que os portugueses estão a reciclar mais.

A reciclagem de embalagens são o único fluxo de resíduos urbanos a cumprir com as metas nacionais e, entre os materiais que são colocados nos ecopontos, o plástico é o que regista um dos maiores crescimentos, com um volume de embalagens recicladas que aumentou 14% no ano passado.

Oleões de última geração instalados em Portalegre

Em Portalegre, o Município já procedeu, à substituição dos oleões existentes no concelho que, além de uma nova imagem, passarão a ter novas funcionalidades.

Estes novos oleões – recipientes próprios para o depósito de óleos alimentares usados - farão parte de uma rede nacional, e estão equipados com tecnologia IoT – Internet of Things.

Esta tecnologia dispõe de um sistema de sensorização que permite saber em tempo real o estado de enchimento dos equipamentos e uma App (RENO®), que complementa este sistema, permitindo uma otimização da gestão desta tipologia de resíduos.

Ourique é o município que mais reciclou em 2021

Ourique continua a ser o município que mais resíduos encaminhou para reciclagem entre janeiro e novembro do ano passado, segundo os dados da “Liga Intermunicipal de Reciclagem” da Resialentejo.

A informação, citada pela Rádio Pax, adianta que Ourique reciclou uma média de 62,8 quilos por habitante.

No top 3 seguiram-se os municípios de Castro Verde, com 60 quilos de resíduos por habitante, e Beja com 49,1 quilos por habitante.

No fim da lista está Mértola, com 36,4 quilos de resíduos reciclados por habitante.

5 M/€ investidos na sustentabilidade do Baixo Alentejo

A Resialentejo vai investir mais 5 milhões de euros na recolha e tratamento dos resíduos indiferenciados, provenientes da recolha municipal e dos materiais recicláveis dos ecopontos e ecocentros, no Baixo Alentejo.

Distrito de Évora transforma cascas do lixo em apoios para IPSS

As cascas do lixo produzidas pela população de 12 concelhos do distrito de Évora vão poder ser “transformadas” em apoio monetário para instituições públicas de solidariedade social (IPSS) que ajudam pessoas com deficiência da região, avança a Lusa.

É o novo projeto da Gesamb – Gestão Ambiental e de Resíduos, responsável pelo tratamento de lixo de 12 dos 14 concelhos do distrito de Évora, denominado “Missão Cascas Solidárias”, que arrancou esta quarta-feira, 17 de novembro, em Alandroal, com uma ação de sensibilização.

Aterro sanitário em Beja prepara-se para os próximos 30 anos

Com um investimento de perto 2 milhões de euros a Resialentejo vai ampliar o seu aterro sanitário próximo de Beja.

A empresa intermunicipal serve oito concelhos: Almodôvar, Barrancos, Beja, Castro Verde, Mértola, Moura, Ourique e Serpa, o que equivale a uma área geográfica de 6.650 Km2 e cerca de 95.866 habitantes.

População do Baixo Alentejo está a reciclar mais

A empresa intermunicipal Resialentejo recebeu cerca de 5.140 toneladas de resíduos de embalagens em 2020, o que significa um aumento de mais de 616 toneladas (13,6%) em relação ao ano anterior.

De acordo com o Correio Alentejo, os resíduos de papel/cartão foram os mais recolhidos, com 2.033 toneladas (mais 283 toneladas que em 2019), seguindo-se o plástico/metal, com 1.752 toneladas (mais 239 toneladas que em 2019) e o vidro com 1.354 toneladas (mais 93 toneladas que em 2019).

Água alentejana com garrafa de plástico 100% reciclado

A marca de água alentejana Vitalis lançou primeira garrafa com plástico 100% reciclado, dando uma segunda vida ao plástico.

A nova garrafa de água Vitalis de 1,5l em plástico 100% reciclado é feita com material de mais de 3 garrafas de plástico de 33cl.

Com esta iniciativa da marca de água captada e engarrafada em Castelo de Vide, o detentor da Vitalis, o Super Bock Group, eforça assim o seu compromisso na área da Sustentabilidade, evitando, com esta medida, usar mais de 6,3 toneladas de novo plástico em 2021.

Pacotes de açúcar da Delta vão ter piadas…recicladas

Quando fizer uma pausa para o café vai ter um pouco mais de humor com as “Piadas Recicladas” da Sociedade Ponto Verde e que vão surgir numa nova edição colecionável de pacotes de açúcar Delta.

As piadas serão sobre conteúdos relacionados com a reciclagem e com os processos que dela derivam e que serão apresentados de forma descontraída e divertida de modo a passar a mensagem da importância da reciclagem enquanto o anima na pausa para café.

Páginas