Está aqui

ETAR

Nova ETAR de Odemira de 1,7 milhões já está a servir S. Teotónio

A Estação de Tratamento de Águas Residuais – ETAR e sistema elevatório de S. Teotónio, no concelho de Odemira, já está a operar. Num investimento da empresa Águas Públicas do Alentejo (AgdA), no valor de mais de 1,7 milhões de euros, cofinanciada em 85% por fundos comunitários, a nova ETAR permite tratar as águas residuais provenientes de toda a população de S. Teotónio, composta por cerca de 2.100 habitantes.

O novo equipamento dispõe ainda de uma sistema de receção e pré-tratamento de lamas provenientes de fossas e outras ETARs da região.

Comporta vai construir ETAR última geração com 3 milhões de euros

Está lançada a "primeira pedra" para a construção da nova ETAR da Comporta, num investimento de cerca de 3 milhões de euros. O dia de ontem, 19 de novembro, foi marcado pela assinatura da consignação da empreitada para a construção do Sistema Intercetor da Comporta, perante as presenças do presidente da Câmara Municipal de Alcácer do Sal, Vítor Proença e Francisco Narciso, presidente do Conselho de Administração da Águas Públicas do Alentejo.

Borba investe 1,1 milhão em nova ETAR

O Município de Borba deu início à construção de uma nova Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) na freguesia Rio de Moinhos.

A obra é comparticipada por fundos comunitários e deverá estar a operar a meio do próximo ano. O investimento é de 1,1 milhões de euros e a ETAR vai tratar a totalidade das águas residuais provenientes de Rio de Moinhos, Barro Branco e Talisca, abrangendo cerca de 3500 habitantes e mas deixando ainda de fora o problema dos efluentes industriais que resultam das atividades de queijarias e outras industrias locais.

Notícia corrigida às 18h38.

Alcácer do Sal adjudica nova ETAR

A Câmara Municipal adjudicou à empresa HANDLE – Construções, Lda. a construção da nova ETAR do Bairro Forno da Cal, pelo valor de 200.476,84 euros (+ IVA).

1,2 milhões garantem quatro ETAR no norte alentejano

Os concelhos de Avis, Arronches e Portalegre vão receber um investimento de 1,2 milhões de euros para a construção de quatro ETAR - Estações de Tratamento de águas Residuais (ETAR).

Com um prazo de execução de 545 dias, as ETAR tratarão um aglomerado populacional total de cerca de 2000 habitantes.

Imagem de jornaldocentro.pt

 

Portel investe 1,7 milhões de euros em quatro ETAR

O município de Portel vai avançar com a construção de quatro novas ETAR, num investimento de 1,7 milhões de euros e que servirá cerca de 3 000 habitantes das povoações de Monte do Trigo, Santana, Vera Cruz e São Bartolomeu do Outeiro, atingindo assim a fasquia dos 100% de cobertura no tratamento de águas residuais.

A assinatura do contrato de empreitada de “Conceção-Construção das ETAR de Monte do Trigo, Santana, Vera Cruz e São Bartolomeu do Outeiro” decorre amanhã, 27 de setembro e conta com a presença do Secretário de Estado do Ambiente, Carlos Martins.

ARRANCOU CONSTRUÇÃO DE DUAS NOVAS ETAR EM ESTREMOZ

Os trabalhos de preparação dos terrenos onde vão ser construídas as duas ETAR em Estremoz já começaram, estando estas incluidas no Projecto de Extensão da Rede de Saneamento de Águas Residuais do Subsistema da Freguesia de Veiros e cuja abrangência cobre 1400 habitantes, como adianta aquele município alentejano.

O projecto é comparticipado através do Fundo de Coesão, num investimento total de 301.285 euros, financiado em 85% pelo FEDER.

ELVAS ATINGE OS 100% NO TRATAMENTO DE ÁGUAS RESIDUAIS

Os cerca de 700 mil euros investidos em duas novas ETAR em Elvas vão permitir atingir 100% no tratamento de águas residuais naquele concelho do Alto Alentejo.

ELVAS VAI TER NOVA ETAR COM TRATAMENTO FEITO POR PLANTAS

O município de Elvas abriu o concurso para a empreitada de construção da ETAR em Vila Fernando, com um preço base de 597.200,00 € e prazo de execução de 180 dias.
 
Com esta nova ETAR ficam resolvidos os problemas da emissão de esgotos para as linhas de água, que atualmente são lançados a céu aberto, segundo avança a autarquia.
 

BEJA COM INVESTIMENTO DE 5 MILHÕES EM NOVA ETAR

A AgdA - Águas Públicas do Alentejo prepara-se para investir cerca de 5 milhões de euros numa nova Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) com capacidade de para servir integralmente a cidade de Beja e tratar diariamente cerca de 5 mil metros cúbicos de águas residuais.

Com a entrada desta nova ETAR serão desativadas as duas atuais que já se encontram obsoletas.

Imagem de capa da atlantinivel.pt

 

Páginas