Está aqui

Chuva

TRÉGUA NOS INCÊNDIOS. CHUVA VOLTA HOJE AO ALENTEJO

A chuva volta hoje ao Alentejo, dando trégua ao período de seca que atravessa o país.
 

CHUVA VOLTOU COM ALERTA AMARELO PARA O ALENTEJO

Com quase todo o território alentejano em seca severa ou extrema e a sofrer de medidas restritivas na utilização da água, a chuva voltou hoje um pouco por todo o Alentejo com o Instituto do Mar e da Atmosfera (IPMA) a colocar o Alto Alentejo e o Alentejo Central em Alerta Amarelo por causa dos aguaceiros, por vezes fortes, que podem ser acompanhados de trovoada, de granizo e rajadas de vento.

DIA DE CHUVA

Chovia como quem na derramava. Era tanta a água que, deste lado do vidro, esvaziava os pensamentos enquanto os baldes se enchiam, lá fora, apanhando a água que os beirais retiam também. Os meus olhos fixavam-se num ponto que mudava constantemente e parecia que nada fazia sentido… as imagens não paravam de correr e o desconcerto era total. Não se admirem, pois, se as minhas imagens que veiculo neste texto, não façam sentido, elas também.

CHUVA FORTE COLOCA ALENTEJO EM ALERTA AMARELO

Tardou, mas aí está a chuva e a baixa de temperaturas.

Este fim de semana o estado do tempo vai agravar-se em todo Portugal continental com previsões de aguaceiros intensos, vento forte, forte agitação do mar e até possível queda de neve nas terras altas.

Os distritos de Portalegre, Évora e Beja estão sob aviso amarelo do Instituto Português do Mar e da Atmosfera – IPMA quanto à precipitação, pois esperam-se vários períodos de chuva forte.

MAU TEMPO PÕE BEJA EM ALERTA LARANJA

Além da Madeira, são cinco os distritos do continente sob aviso laranja – o segundo mais grave - devido a agitação marítima e o distrito de Beja é um dos afetados, já hoje, a partir do final da tarde e até à madrugada de segunda-feira, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

A agitação marítima vai piorar de tal modo que algumas ilhas dos Açores estão mesmo sob aviso vermelho, tal como a costa norte da madeira e Porto Santo.

NEM A CHUVA ATRAPALHA A SEMANA DAS ARTES DA UÉ

A primeira Semana das Artes da Universidade de Évora, que começou ontem, dia 9 de maio, pretende celebrar o 7.º aniversário da sua Escola de Artes, os 20 anos do ensino das artes na academia e o 30.º aniversário da classificação de Évora como Património Mundial, pela UNESCO. Com vários concertos, exposições, peças de teatro e performances artísticas.

CHUVA NÃO VAI BATER “LEVE, LEVEMENTE”

A chuva veio para ficar e este fim de semana vai manter-se nos céus alentejanos.

Ângela Lourenço, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), revelou à Lusa que, além da chuva, haverá vento forte e neve acima dos 1400 metros.

Desde o início da noite de ontem que a chuva forte se feito sentir e todo o Portugal Continental se encontra em situação de ‘aviso amarelo’, sendo mesmo o Alentejo uma das zonas mais afetadas.

As previsões são que esta manhã – sábado – a precipitação seja fraca, no entanto, não só vai aumentar à tarde como se vai manter todo o domingo.

PRAIA? É TIRAR O CAVALO DA CHUVA

De acordo com o IPMA, a temperatura máxima em Portugal Continental vai descer durante os dias de hoje e sexta-feira, podendo mesmo ocorrer aguaceiros durantes estes dois dias.

Segundo Maria João Frada, meteorologista no IPMA, prevê-se para quinta-feira um dia com "céu muito nublado", como pode ver espreitando pela janela, com possibilidade de ocorrência de chuva fraca ou chuviscos até ao fim da manhã. Tudo isto acompanhado com a descida da temperatura máxima.