Está aqui

Albufeiras

Governo decide suspensão temporária do uso dos recursos hídricos de 15 albufeiras

O Governo decidiu que a partir de amanhã, 1 de outubro, vai haver uma suspensão da utilização dos recursos hídricos de 15 albufeiras. Esta suspensão é temporária e vigora até serem alcançadas as cotas mínimas da capacidade útil destas albufeiras, conforme noticia a agência Lusa, que adianta ainda que o executivo criou, numa resolução do Conselho de Ministros, “uma reserva estratégica de água nas albufeiras associadas aos aproveitamentos hidroelétricos” apresentados no diploma. 

Agricultura: Ministra admite mais restrições à utilização de água

Maria do Céu Antunes, ministra da Agricultura, assumiu ontem que existe a possibilidade de, dentro de pouco tempo, o Governo aumentar as restrições ao uso da água na agricultura devido à seca.

A ministra, que ontem esteve em Évora e marcou presença no Fórum Regional do Alentejo do Programa Bairros Saudáveis, admitiu que o Governo está preocupado com a situação de seca em Portugal, mas ressalvou que estão previstas medidas de contingência para as questões complicadas no setor da agricultura. 

Bacias hidrográficas do Alentejo aumentam o seu volume em abril

Quatro bacias hidrográficas aumentaram o seu volume armazenado durante o mês de abril, segundo os dados publicados pelo SNIRH – Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos.

De acordo com a Rádio Pax, das 59 albufeiras monitorizadas, 32 apresentam disponibilidades hídricas superiores a 80% do volume total e quatro têm disponibilidades inferiores a 40%.

Assim, na Bacia do Guadiana, seis barragens armazenavam mais de 80% do seu máximo e três estavam entre os 50 e os 80% da sua capacidade limite. Já Alqueva armazenava 90% da sua capacidade máxima.

Águas do Alentejo investe 1,2 milhões para melhorar água

A AgdA – Águas Públicas do Alentejo vai investir 1,2 milhões de euros para melhorar os processos de tratamento de águas residuais em Ermidas-Sado e para proteger a qualidade da água em seis albufeiras que abastecem diversos concelhos alentejanos, num projeto a executar em dois anos.

Barragens do Baixo Alentejo aumentam a sua capacidade em janeiro

As barragens do Baixo Alentejo viram os seus volumes de água armazenada aumentar em janeiro, destacando-se a albufeira do Alqueva, cujo nível se fixou muito próximo dos 70%, no final do mês passado.

Alentejo tem 10 albufeiras acima dos 50% da capacidade de armazenamento

De acordo com o Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos, no último dia do mês de novembro deste ano, e comparativamente ao último dia do mês anterior, verificou-se um aumento do volume armazenado em 7 bacias hidrográficas e uma descida em 5, avança a Planície.

De um total de 60 albufeiras monitorizadas, 11 apresentam disponibilidades hídricas superiores a 80% do volume total e 19 têm disponibilidades inferiores a 40% do volume total.