Alentejo Litoral

80 milhões de Bruxelas para encerrar centrais de carvão de Sines e Pego

Bruxelas tem disponíveis cerca de 80 milhões de euros para que o país feche as centrais a carvão.

O encerramento daquelas centrais pode custar 650 empregos irá afetar sobretudo Sines e Abrantes (Pego).  A Comissão Europeia sinalizou ontem, quarta-feira, que Portugal poderá contar com verbas de um novo fundo para a descarbonização para compensar o impacto económico e social do encerramento das centrais termoelétricas a carvão de Sines e Pego por serem poluentes, dando quase 80 milhões de euros ao país para fazer esta transição.

Sines em reuniões do Comité das Regiões em Bruxelas

O Presidente da Câmara Municipal de Sines, Nuno Mascarenhas, vai participar em duas reuniões do Comité das Regiões Europeu, um dos mais relevantes órgãos consultivos da Comissão, do Conselho e do Parlamentos europeus. Nuno Mascarenhas integrará a delegação portuguesa que participará nas reuniões da Comissão da Cidadania, Governação e Assuntos Institucionais e Externos (CIVEX) e na Comissão de Assuntos Económicos (ECON).

Sines confirma primeiras bandas do Festival Músicas do Mundo 2020

O FMM Sines – Festival Músicas do Mundo, o festival da “música com espírito de aventura”, regressa a Sines e Porto Covo de 18 a 25 de julho de 2020.

As primeiras confirmações do programa de concertos desta 22.ª edição são Amadou & Mariam with Blind Boys of Alabama (Mali / EUA), Ava Rocha (Brasil), Mon Laferte (Chile), Niño de Elche (Espanha), Nitin Sawhney (Reino Unido), Rasha Nahas & Band (Palestina), Rhiannon Giddens with Francesco Turrisi (EUA / Itália) e Third World (Jamaica).

Porto de Sines continua a liderar movimentação de carga em contentores

Os resultados da movimentação de mercadorias nos portos do Continente durante o ano de 2019 foram esta manhã divulgados pela Autoridade da Mobilidade e dos Transportes (AMT): o volume global de carga movimentada nos diversos portos, situado nos em 86,9 milhões de toneladas, viu um decréscimo da movimentação no segmento dos contentores de -8,9% face a 2018.

Crianças de Alcácer do Sal vão ter acesso gratuito a "Escola Virtual" da Porto Editora

O Município de Alcácer do Sal vai assegurar o acesso à plataforma digital “Escola Virtual”, da Porto Editora ao longo de três anos letivos, um investimento da autarquia na ordem dos 11.461,17 euros que garante a disponibilização de recursos e ferramentas educativas de promoção e suporte de aprendizagens online.

Sines está a apoiar estudantes do ensino superior com bolsas de estudo

A Câmara Municipal de Sines apoia os alunos do concelho que estudam no ensino superior através da atribuição de bolsas de estudo. De acordo com a lista provisória para atribuição das bolsas, aprovada ontem em reunião de Câmara, o apoio vai chegar no ano letivo 2019/2020 a, pelo menos, 75 alunos de Sines que frequentam licenciaturas.

Temperaturas no Alentejo podem chegar aos 23º este fim-de-semana

Para este fim de semana, 22 e 23 de fevereiro, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), prevê temperatura pouco habituais para a época. A temperatura máxima vai subir, atingindo 23 graus em grande parte do País, assinalando-se Évora e Beja. Já Portalegre chegará aos 21 graus.

Quanto a mínimas elas andarão entre os 8 graus e os 11 graus.

Mel de Alcácer do Sal quer vencer no XI concurso nacional de Mel

O município de Alcácer do Sal está apoiar a participão de 3 apicultores da região no XI Concurso Nacional de Mel que se realiza no dia 6 de março, no CNEMA – Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas, em Santarém.

Sines: Construção de central de hidrogénio de 3 mil milhões arranca em 2021

O Ministro do Ambiente Matos Fernandes adinatou hoje no Parlamento que a construção da central de hidrogénio em Sines arranca no início do próximo ano.

Com um investimento superior a 3.000 milhões de euros até 2030, apoiado “por fundos europeus e por financiamento do Banco Europeu de Investimento”, para “produzir um máximo anual de 175 mil toneladas de hidrogénio”, a central de hidrogénio em Sines vai posicionar Portugal como “exportador de energia verde”.

Sabe mesmo o que está a acontecer no Alqueva?

Muito se fala de Alqueva e de como mudou a paisagem do Alentejo, tornando-o mais produtivo e mais competitivo. Era essa a ideia. Contudo o Alqueva é também notícia pelo que produz e pelo que não produz. Para compreendermos o que se está a passar realmente em Alqueva em termos de produção agrícola é importante consultar o Anuário Agrícola de Alqueva de 2019.

Páginas