Está aqui

O Espaço do Tempo

Montemor-o-Novo quer iniciar obras no Convento da Saudação este ano

Deverão começar este ano as obras de requalificação e conservação do Convento da Saudação, em Montemor-o-Novo, que representam um investimento de cerca de 6,5 milhões de euros, anunciou Olímpio Galvão, presidente da autarquia.

O autarca afirmou, em declarações à agência Lusa, que esta é “uma obra marcante para o concelho”, que tem “mais de três décadas” de espera e que vai fazer com que o edifício seja uma “âncora turística e cultural”.

“Vai ter que ser desta vez, porque não irá surgir outra oportunidade no futuro” para tornar este projeto realidade, sublinhou.

Rui Horta junta a comunidade para se despedir dos palcos d’O Espaço do Tempo

A ligação entre Rui Horta, criador da estrutura cultural O Espaço do Tempo, e a população de Montemor-o-Novo deu origem à criação multidisciplinar que é apresentada na cidade, a partir de hoje e até ao próximo domingo, dia 25.

O espetáculo chama-se “Lúmen” e chega no ano em que Rui Horta sai do cargo de diretor artístico d’O Espaço do Tempo, lugar que passa a ser ocupado pelo encenador e programador Pedro Barreiro.

Montemor-o-Novo, Évora e Elvas apoiam criação artística emergente

A Colecção B , O Espaço do Tempo e o UmColetivo encontram-se a promover a atribuição de duas bolsas de apoio à criação emergente, cada uma no valor de 1500 euros.

Segundo a associação cultural eborense, o objetivo é criar “um circuito alentejano que permite o desenvolvimento de dois projetos artísticos originais (teatro, dança, performance ou cruzamentos disciplinares) nas cidades de Montemor-o-Novo, Évora e Elvas”.

Associação cultural de Montemor-o-Novo entrega bolsas a artistas e criadores

A associação cultural O Espaço do Tempo, de Montemor-o-Novo, vai entregar bolsas a oito artistas e a um coletivos emergentes para novas criações na área das artes performativas, num valor total de 100 mil euros.