Está aqui

Museu Berardo Estremoz

Mais de 10 mil visitantes já passaram pelo Museu Berardo Estremoz

O Museu Berardo Estremoz, que alberga a “maior e mais importante” coleção privada de azulejos de Portugal, já recebeu mais de 10 mil visitantes desde a sua abertura, em 25 de julho, avança a Câmara Municipal de Estremoz à Lusa.

Em comunicado, o município refere que, “aberto há pouco mais de um mês, com entrada gratuita, o Museu do Azulejo já recebeu milhares de visitantes, sendo portugueses mais de 90%, números que surpreendem, uma vez que nos encontramos em tempos de pandemia”.

Abre hoje, em Estremoz, o Museu Berardo dedicado ao azulejo

O Museu Berardo Estremoz vai abrir este sábado com a exposição inaugural “800 Anos de História do Azulejo”, que pode ser visitada com entrada gratuita a partir de domingo até ao final de agosto, avança a agência Lusa.

De acordo com os promotores, a coleção do museu é composta por conjuntos azulejares ´in situ´, património integrado na Quinta e Palácio da Bacalhôa (Azeitão) e no Palácio Tocha (Estremoz), e por mais de 4.500 exemplares móveis datados do século XIII ao século XXI, que permite “percorrer a secular história do azulejo”.

Dívida de quase mil milhões não impede Berardo de abrir dois museus em Estremoz

O facto facto de dever 980 milhões de euros aos bancos não impede Joe Berardo de preparar-se para abrir dois museus em Estremoz, um para uma colecção de azulejaria e outro de arte africana.

ESTREMOZ: MUSEU BERARDO INSTALADO EM PALÁCIO SETECENTISTA

Cerca de 1500 painéis da colecção de azulejos desde o século XV, peças das colecções Arte Deco; Arte Nova, Arte Africana, Arte Shona, figuras em Terracota, cerâmica Bordalo Pinheiro, Arte Latino Americana, Arte Moderna e Contemporânea, coleção Erich Kahn, posters e cartazes, coleção Ernesto de Sousa e Arte Indiana, vão integrar o novo Museu Berardo em Estremoz, no Alentejo Central, que vai ficar instalado no Palácio dos Henriques (Tocha), propriedade do próprio Joe Berardo, junto ao jardim municipal e que vai ser integralmente recuperado.