Está aqui

Mesa

Aeroporto de Beja: hangar para aviões de grande porte concluído no final do ano

A construção do hangar da Mesa, empresa de manutenção do Grupo Hifly, continua a bom ritmo, como avança a kiosquedaaviacao.pt.

O hangar que custa 30 milhões de euros e vai receber aviões de grande porte como os airbus A319, A320, A321, A330, 340 e A38, deverá começar a funcionar “no 4.º trimestre deste ano” e criar 150 postos de trabalho ao longo dos três primeiros anos de atividade.

MESA está a contratar técnicos de manutenção aeronáutica para Beja

A MESA, empresa de manutenção, engenharia e serviços a aeronaves está a contratar técnicos de manutenção aeronáutica com experiência e fluência em inglês. A empresa a operar em Beja procura técnicos com certificação EASA Part-66 Aircraft Engineers CAT-B1, type rated nos A330 (GE CF6) (RR Trent 700) (PW 4168) oou A340 (CFM56) (RR Trent 500) ou A319/20/21 (IAE V2500).

A MESA tem ainda ofertas para Engenheiro(a) de Planeamento, Analistas de Segurança, Técnicos de Planeamento e Técnicos de Eletrónica.

30M/€ garantem novo hangar em Beja

Um novo investimento orçado nos 30 milhões de euros resultarão num novo hangar no Aeroporto de Beja. O investimento surge pela mão da Mesa, uma empresa

Este hangar para manutenção de aviões abrangerá uma área aproximada de 9.500 m2 e a sua construção deverá demorar 18 meses, prevendo-se o seu início já no 1.º trimestre de 2019.

Serão criados 150 postos de trabalho diretos nos primeiros três anos no hangar irá servir para manutenção de base da frota de aviões Airbus da companhia aérea Hi Fly de Paulo Mirpuri.

 

Imagem de upload.wikimedia.org