Está aqui

Baixo Alentejo

Manuel Soares nomeado para administração da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo

Manuel Francisco Soares foi nomeado para o cargo de vogal do conselho de administração da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA). A decisão foi do conselho intermunicipal da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL) que, por maioria, indicou o gestor hospitalar, licenciado em Ciências Farmacêuticas, com especialização em Administração Hospitalar e em Gestão de Unidades de Saúde.

Incêndio em Serpa combatido por 90 operacionais e 27 viaturas

Um incêndio que deflagrou na tarde desta quarta-feira em Serpa, no Baixo Alentejo, mobilizou 90 operacionais apoiados por 27 viaturas, que ainda combatem as chamas.

Em atualização.

Mértola é única e, por estes dias, orgulhosamente islâmica

Mértola volta a vestir-se da cor, sons, cheiros e sabores que povoavam há séculos o seu quotidiano amuralhado. A magia da 10ª edição do Festival Islâmico regressa às ruas do Centro Histórico entre 16 a 19 de maio, onde a herança islâmica da Vila-Museu mistura-se com mercadores e artesãos vindos da bacia do Mediterrâneo, numa celebração cultural única.

Reprogramação dos fundos comunitários corrigiu injustiças com o Baixo Alentejo

Pedro do Carmo considera que o resultado da reprogramação dos fundos comunitários foi positiva para o Baixo Alentejo e que veio corrigir um quadro comunitário, que foi negociado pelo PSD e pelo CDS em "desfasamento com a realidade do país, com a segurança e com o acesso dos cidadãos aos principais serviços públicos e centros urbanos".
 

Críticas às culturas intensivas no Alentejo são "irresponsáveis e desinformadas"

O PSD do Baixo Alentejo já reagiu às recentes críticas lançadas particularmente pelos Os Verdes, PCP e BE às culturas intensivas no Alentejo. Depois de uma série de encontros com as associações empresariais e de produtores, como a OLIVUM- Associação de Olivicultores do Sul, a ACOS- Associação de Agricultores do Sul e  a AABA- Associação de Agricultores do Baixo Alentejo, onde foram demonstradas "sérias preocupações" com os crescentes ataques políticos às culturas intensivas no Alentejo.

Beja: PSP cria balcões em concelhos onde não tem postos fixos

A PSP vai passar a receber os munícipes dos concelhos do Baixo Alentejo com regularidade, em balcões de atendimento não permanente, isto é, instalados em espaços emprestados pelos municípios e a funcionar em datas definidas.

A medida surge de uma parceria com a Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL) e o Comando Distrital de Beja da Polícia de Segurança Pública e vai permitir aos munícipes terem atendimento da PSP em concelhos do Baixo Alentejo, onde não existem postos fixos daquela polícia.

Beja inaugura hoje incubadora de inovação social

A incubadora de inovação social, a segunda no Alentejo, é inaugurada hoje, 14 de dezembro, em Beja, pela ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão Marques, no Centro Unesco para a Salvaguarda do Património Imaterial. O projeto é cofinanciado entre a Portugal Inovação Social e o município de Beja, e pretende vir a criar "condições favoráveis ao surgimento de projetos sociais inovadores nesta região, apoiando a sua implementação e desenvolvimento".

Ourique: é um porco diferente o porco alentejano

O que há de melhor no Baixo Alentejo está à vista na Feira do Porco Alentejano em Ourique. O certame para 2019 já tem data marcada, decorrendo entre 22 e 24 de março e é já um marco da preservação e valorização do porco alentejano e é também um polo de cultura, animação e gastronomia.

Agricultura, pecuária, gastronomia, cultura e animação são marcas desta feira que homenageia um dos produtos endógenos alentejanos: o porco. E é um porco diferente o porco alentejano.

MeteoAlentejo precisa de 500 euros para comprar nova estação meteorológica para Mértola

O MeteoAlentejo lançou hoje uma campanha para angariar 500 euros, com o intuito de comprar uma nova estação (DAVIS VUE) para a vila de Mértola, uma vez que a estação que aí tem instalada desde 2015, atingiu o limite de via útil de 3 anos.

Trata-se de um projeto regional de meteorologia sem fins lucrativos, que tem como objetivo divulgar em tempo real as condições meteorológicas na região e que conta para o efeito com 7 estações meteorológicas instaladas em Serpa, Bemposta, Beja, Amareleja, Mértola, Moura e Marvão.

PCP do Baixo Alentejo rejeita descentralização e defende regionalização

O PCP do Baixo Alentejo assinala os 20 anos do referendo sobre a regionalização (que não teve força vinculativa já que a abstenção foi superior a 50%), para lembrar que este é um "imperativo constitucional ainda não cumprido" e criticar o que chama de imposição da descentralização às autarquias por parte do governo.

Páginas