Está aqui

Vale do Guadiana

O último refúgio selvagem do país é no Alentejo

Na próxima sexta-feira, 19 de outubro, é apresentado em Mértola o documentário "Guadiana Selvagem", assinado por Daniel Pinheiro. A iniciativa decorre a partir das 21h00 no cineteatro Marques Duque e revela a história natural do Vale do Guadiana, feita de paisagens naturais e humanas, lar de algumas das espécies "mais ameaçadas do país" e um dos mais ricos locais em biodiversidade, num documentário feito com a mais avançada tecnologia em termos de captação de imagem (em UHD 4K).

Lince libertado no Alentejo apareceu na Catalunha

Foi libertado no Vale do Guadiana, em 2015, um lince de nome Lítio, atualmente com quatro anos. Pois o Lítio resolver dar um passeio e foi até Barcelona, na Catalunha, percorrendo mais de 1000 quilómetros.

 Depois de atravessar toda a Espanha, o Lítio foi detetado por técnicos do Governo da Catalunha, num campo de cerejeiras, de acordo com o ICNF - Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas.

NOVO LINCE LIBERTADO EM MÉRTOLA

A Herdade das Romeiras, em Mértola, recebeu um novo lince-ibérico, vindo de Espanha para repovoar o Alentejo. Trata-se de uma fêmea que foi libertada no início desta semana e chama-se Nara.

Segundo o  Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF), o núcleo populacional de linces nesta região já está consolidado, contando com oito fêmeas reprodutoras e nascimentos no meio pelo segundo ano, num total de 34 linces no Parque Natural do Vale do Guadiana.