Está aqui

Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP)

Desemprego diminui 18% no Alentejo

No final de setembro estavam inscritos nos Centros de Emprego do Alentejo 14 876 desempregados, menos 3 276 indivíduos do que em setembro do ano passado. Os dados do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) indicam que o desemprego caiu, assim, 18% face a período homólogo.

Ainda de acordo com os mesmos dados, citados pela Rádio Pax, o Algarve e o Alentejo foram as regiões onde se registou a maior quebra do desemprego.

Alentejo com menos inscritos nos centros de emprego

O Alentejo registou o maior decréscimo do número de inscritos no Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), em maio.

Face ao período homólogo de 2020, a redução foi de 11,7% enquanto que a média nacional foi de uma redução de 5,1%.

Ao todo, em Portugal, estes dados, significam menos 21.705 desempregados inscritos nos centros de emprego se compararmos com abril passado, onde se registava já uma quebra.

Em maio registaram-se 402.183 desempregados, o menor número desde dezembro de 2020.

 

Imagem de rtp. pt

Número de desempregados inscritos sobe no Alentejo

O número de desempregados inscritos nos centros de emprego aumentou 29,6% em dezembro em termos homólogos e 1,0% face a novembro, segundo o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP).

De acordo com os dados do IEFP, citados pelo jornal A Planície, estavam registados nos serviços de emprego do continente e regiões autónomas 402.254 desempregados, um número que representa 69% de um total de 582.926 pedidos de emprego.