Está aqui

Hidrogénio Verde

Sines acolhe projeto de hidrogénio e amónia verdes de 1 000M€

Um consórcio internacional liderado pela empresa portuguesa Madoqua Renewables pretende investir 1 000 milhões de euros num projeto de produção de hidrogénio e amónia verdes em Sines.

De acordo com a agência Lusa, o projeto, intitulado “MadoquaPower2X”, resulta de uma parceria entre três empresas: a portuguesa Madoqua Renewables, a neerlandesa Power2X e a gestora de fundos dinamarquesa Copenhagen Infrastructure Partners (CIP).

Sines terá fábrica de hidrogénio verde em investimento de 5M€

A Keme Energy, empresa portuguesa que implementa projetos de autoconsumo de energia renovável, vai investir 5,2 milhões de euros na instalação de uma fábrica de produção de hidrogénio verde em Sines.

Em comunicado citado pela agência Lusa, a Aicep Global Parques precisou que o investimento visa a instalação de “uma fábrica de produção de hidrogénio verde por eletrólise foto eletroquímica, compressão e armazenamento em garrafas PED” na Zona Industrial e Logística de Sines (ZILS).

Hidrogénio verde arranca em Sines em dezembro com 76 milhões

O projeto de hidrogénio verde de Sines, com o nome de Green H2 Atlantic, vai arrancar em dezembro, representando um investimento total de 76,6 milhões de euros, com os fundos europeus a contribuírem com 30 milhões, segundo documentos da Comissão Europeia consultados pelo Jornal Económico.

De acordo com o mesmo jornal, a EDP Renováveis vai ser a empresa a coordenar este projeto, que visa o desenvolvimento e a operação de um eletrolisador com 100 megawatts na cidade de Sines.

Repsol e EDP apostam no hidrogénio renovável em Sines e Espanha

A Repsol e a EDP, através da filial EDP Renewables (EDPR), vão trabalhar em parceria na avaliação de novas oportunidades de investimento em projetos de hidrogénio renovável na Península Ibérica.

De acordo com o Dinheiro Vivo, os CEO das duas empresas, Josu Jon Imaz e Miguel Stilwell d'Andrade, assinaram esta semana um memorando de entendimento que marca o início das conversações entre as duas entidades para implementar estes projetos na Península Ibérica.

Fusion Fuel Green investe 8 milhões em hidrogénio verde em Sines

A empresa portuguesa Fusion Fuel Green prepara-se para avançar com o investimento de cerca de 8 milhões de euros para a produção de hidrogénio verde em Sines, revelou o seu fundador, João Wahnon, à Revista Cargo.

Segundo o responsável, a empresa esperava apenas a luz verde do Programa Operacional para a Sustentabilidade e Utilização Eficiente dos Recursos de Portugal (POSEUR) para o seu projeto HEVO-Sul, a ser levado a cabo em Sines.

Produção de hidrogénio verde com tecnologia portuguesa chega a Évora

Dois parques para a produção a baixo custo de hidrogénio verde, com tecnologia desenvolvida em Portugal e considerada “inovadora e pioneira” no mundo, estão a ser instalados no concelho de Évora, num investimento de 4,8 milhões de euros.

A empresa que está a desenvolver o projeto H2 Évora é a Fusion Fuel. Um dos parques localiza-se junto ao parque industrial da cidade e o outro perto da localidade de Nossa Senhora da Tourega.

Bruxelas atribui 30 milhões a projeto de investigação de hidrogénio em Sines

A Comissão Europeia vai atribuir um subsídio de 30 milhões de euros a uma candidatura portuguesa a um projeto de investigação para testar a produção de hidrogénio verde em Sines, adianta o jornal Público.

Hidrogénio verde em Sines espera acordo sobre financiamento até agosto

O projeto-piloto que tem como objetivo a produção de hidrogénio verde em Sines recebeu uma primeira autorização de Bruxelas para avançar. Agora, é esperar que o consórcio H2 Sines chegue a acordo com a Comissão Europeia em relação ao financiamento para este projeto, adianta o Jornal Económico.

Ministro diz que fim do consórcio H2Sines vai fazer surgir “mais projetos”

O ministro do Ambiente e da Transição Energética, João Pedro Matos Fernandes, desvaloriza a fragmentação do consórcio H2Sines, que reunia a EDP, Galp, Martifer, Vestas e REN, com o objetivo de implementar um “cluster” de produção de hidrogénio verde, considerando que tal vai fazer “com que surjam mais projetos”.

EDP e Galp saem do consórcio de hidrogénio para Sines

A EDP confirmou que irá sair definitivamente do consórcio de hidrogénio H2Sines, anunciou fonte oficial da empresa. De acordo com o jornal ECO e o Dinheiro Vivo, a Galp irá igualmente sair do projeto.

Páginas