Está aqui

Grupo Amorim

Sector da Cortiça pede mais 50 mil hectares para plantar sobreiros ao governo

O Grupo Amorim e a APCOR – Associação Portuguesa da Cortiça pediram ao secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento, MIguel Freitas, 50 mil hectares para plantar sobreiros com base "num período único no setor da cortiça, a imagem nos mercados internacionais muito positiva e a preferência de profissionais e consumidores" como defende João Rui Ferreira ao Jornal Económico. Para o presidente da APCOR os aumentos médios anuais das exportações na ordem dos 4,5%, durante os últimos 9 anos, exigem maior resposta e disponibilidade de matéria-prima.