Está aqui

Hotelaria

GRUPO PESTANA RECRUTA NO ALENTEJO

O grupo Pestana Hotel, reconhecido na na área hoteleira e turística e detentor das Pousadas de Portugal,  vai realizar ações de recrutamento para os profissionais de hotelaria.

Pretende preencher-se vagas para cozinha, housekeeping, restaurante, bar e pastelaria, e outras, num total de mais de 300 vagas.

As vagas em aberto serão para as unidades Pestana Hotels & Resorts e Pousadas de Portugal no Alentejo, e em Lisboa e Algarve, mas também no Centro, Norte e até na Madeira.

DORMIDAS CRESCEM NO ALENTEJO

De acordo com os dados do INE - Instituto Nacional de Estatística, em novembro passado, a hotelaria nacional teve 1,1 milhões de hóspedes que representaram 2,9 milhões de dormidas. Quanto ao Alentejo, os números das dormidas voltaram a subir, face ao mesmo período de 2015, tendo crescido 6,3%.

No entanto, ainda no Alentejo, o tempo de estadia e o rendimento médio por quarto baixaram.

 

Imagem de sobreiras.pt

ALENTEJO: MAIS LUCRO E MENOS DORMIDAS

O Alentejo e o Centro foram as duas regiões do país onde se registaram descidas no volume de dormidas em maio e as dormidas de residentes recuaram 7,2%. Contudo, as dormidas de não residentes subiram 1,7% face a período homólogo e os proveitos totais na região aumentaram 4,8% e os de aposento 2,1% quando comparados com maio do ano passado. Já o Rendimento Médio por Quarto Disponível no Alentejo subiu dos € 23,1 em maio de 2015 para os 23,8 euros em maio deste ano.

ALENTEJO BATEU NOVO RECORDE DE DORMIDAS

Foram mais de três milhões de dormidas em 2015 que estabeleceram um novo recorde para o Alentejo. A este facto não é alheia a forma simpática e elogiosa da imprensa internacional que recentemente nos considerou um dos 10 melhores destinos mundiais do enoturismo, um dos 25 melhores destinos turísticos do mundo, com a melhora gastronomia, os melhores vinhos, as melhores praias e as melhores paisagens. Os números foram fornecidos pela Turismo do Alentejo ERT.

 

 

ALQUEVA 5 ESTRELAS COM DEDO DE SOUTO MOURA

Longe vão os tempos dos grandes latifúndios alentejanos. Como sinal desses tempos ficaram herdades com casarios que se assemelham em tamanho a qualquer aldeia típica. A herdade de S. Lourenço do Barrocal, em Reguengos de Monsaraz é um desses exemplos.

ALENTEJO GANHA NOVO HOTEL

A DHM, uma marca do Fundo Discovery Portugal, vai abrir novas estruturas hoteleiras em território nacional e uma delas será em Santiago do Cacém.

Estas informações foram reveladas, na Bolsa de Turismo de Lisboa, por Ricardo Roquette, diretor de Marketing e Comunicação da DH.

A empresa está a aumentar a sua implantação em território nacional e exemplo disso são os investimentos nesta nova estrutura como num hotel a abrir a norte ou nos Açores, hotel que será inaugurado em maio próximo e que representou um investimento de 8 milhões de euros.

ALENTEJO AUMENTA DORMIDAS EM 9%

O volume de dormidas no Alentejo voltou a aumentar segundo os últimos dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).

Se comparar-mos o mês de Outubro com igual período homólogo notamos um crescimento de 8,9%. As receitas das unidades hoteleiras também tiveram uma tendência de crescimento sendo que o rendimento médio por quarto subiu de 2014 para 2015 de 18,5 euros para 21,7 euros.

Imagem de capa daqui.

ALENTEJO COM CAPACIDADE PARA GRANDES CONGRESSOS

O Alentejo tem capacidade para grandes Congressos. Quem o disse foi Ceia da Silva, presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo, durante o 27º Congresso da Associação da Hotelaria de Portugal (AHP), que decorre em Évora, desde ontem.

HOTÉIS NO ALENTEJO

Dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) revelam que a Hotelaria continua a crescer no Alentejo e que as dormidas tiveram um aumento comparativamente ao ano transato.

Só em março, e comparativamente com igual mês do ano passado, o aumento foi de 6,3%.

Os hotéis alentejanos registaram até finais de março um total de 208 531 dormidas, um aumento de 29745 dormidas em igual período do ano passado.

A estada média nos nossos hotéis é de 1,6 noites por pessoa.

A nível nacional houve também um grande crescimento, com destaque para os Açores com 19,1% e o Norte com 17,8%.

Em fevereiro, por exemplo, registaram-se 2,2 milhões de dormidas, correspondendo a um acréscimo homólogo de 11,2% (em janeiro havia sido de 13,4%), com destaque para aumento dos mercados externos (8,1%) e interno (18,5%).

No ano passado os hotéis alentejanos registaram 1 305 473 dormidas, num total nacional de 46 121 938.

Évora | Nova unidade hoteleira abriu portas

O Hotel Vila Galé Évora, foi inaugurado ontem, 25 de abril.

O grupo Vila Galé reforçou assim a sua presença no Alentejo, na presença do secretário de Estado do Turismo, Adolfo Mesquita Nunes.

Num investimento total de 15 milhões de euros, esta nova unidade hoteleira conta com 185 quartos, dois restaurantes, dois bares, quatro salas de eventos, piscina e um SPA.

Criará 45 novos postos de trabalho diretos e antecipou as previsões da sua abertura em cerca de dois meses.

Páginas