Está aqui

Videovigilância

PSP com Estremoz debaixo de olho

O Governo, através do secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna, Antero Luís, já autorizou a instalação de câmaras para videovigilância em Estremoz, isto após o parecer da Comissão Nacional de Proteção de Dados (CNPD).

A cidade alentejana vai assim, pelo menos por um prazo de dois anos, ter instalado e a funcionar um sistema de videovigilância que tem como objetivo reforçar a proteção de pessoas e bens e prevenir crimes.