Está aqui

Segurança

BORBA: CÂMARA OFERECEU ESPAÇO, MAS GNR CONTINUA EM CASA DE HABITAÇÃO

O impasse já dura há 3 anos: a autarquia cedeu uma antiga escola primária para ser requalificada como o novo posto da GNR local, mas as forças da autoridade continuam em edifício de habitação e sem condições.

À Lusa, António Anselmo – que renovado o seu mandato nas últimas eleições – revelou: "Faz-me confusão. Se calhar, com pouco dinheiro fazia-se um posto da GNR em condições.

PRESOS VIP "FOGEM" DE ÉVORA

Sobretudo após a passagem de José Sócrates, o estabelecimento prisional eborense tornou-se ainda mais famoso. Este estabelecimento era destinado a reclusos com medidas especiais de proteção, os chamados reclusos “vip”.

Estes reclusos “vip” fugirão agora para o futuramente remodelado estabelecimento prisional de Leiria, ficando prisão de Évora destinada a reclusos comuns do distrito, revela O relatório sobre o sistema prisional e tutelar.

ALENTEJO É CENÁRIO DE GUERRA

Voltou ao Alentejo o cenário de guerra que envolve o Orion’17, o maior exercício militar realizado, anualmente, em Portugal.

Pela mão das Forças Armadas portuguesas, serão cerca de 1600 militares portugueses e 350 de Espanha e Estados Unidos os envolvidos nos exercícios que decorrem no Baixo Alentejo.

Se ouvir tiros ou quando olhar ao céu e vir 400 paraquedistas a descer não se assuste, pois a invasão não é real.

O objetivo dos exercícios é só um: certificar a Brigada de Reação Rápida para operar em ambiente multinacional, da Aliança Atlântica.

HOSPITAL DE ÉVORA JÁ TEM HELIPORTO

A ANAC - Autoridade Nacional da Aviação Civil já aprovou heliporto do Hospital do Espírito Santo, em Évora, utilizado para emergências médicas.

Após obras de requalificação do heliporto do HESE - Hospital do Espírito Santo – Évora, a ANAC aprovou, a utilização desta infraestrutura exclusivamente em operações de emergência médica.

O heliporto do HESE dispõe agora de adequada sinalização e iluminação, permitindo a realização de voos de dia e de noite, em qualquer dia do ano, caso as condições meteorológicas assim permitam.

GOVERNO E NORTE ALENTEJANO EM COMBATE À VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Esta semana, a Secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade, Catarina Marcelino, esteve em Portalegre para celebrar - com a Delegação da Cruz Vermelha Portuguesa e com a Associação Portuguesa de Apoio à Vitima (APAV) - protocolos que visam a implementação de uma Estratégia de Combate à Violência Doméstica e de Género na área de abrangência da CIMAA – Comunidade Intermunicipal do Alto Alentejo, composta por 15 concelhos.

ENSINAR OS NOSSOS FILHOS A PENSAR ANTES DE COMPARTILHAR

Enquanto pais ensinamos os nossos filhos a evitar o perigo desconhecido, por isso insistimos que na rua uma das regras é não falar, nem aceitar convites ou gratificações de estranhos; e em casa é nunca abrir a porta a desconhecidos. E, no uso da Internet não deveríamos, também, ajudá-los ativamente a identificar e evitar situações que possam ameaçar a sua segurança e privacidade? E a escola não deveria desempenhar um papel mais diligente e ativo para ajudar os alunos a compreenderem e a evitarem comportamentos inadequados “online”?

UMA EUROPA ARMADA "ATÉ AOS DENTES"!

ENTRE NAÇÕES

Eu tenho um hobby! É a forma perfeita de começar esta crónica! Esse hobby chama-se viajar, não no sentido literal da palavra pois a viagem em sim, o deslocar de um ponto X a um ponto Y, é algo que é tremendamente chato, enfadonho e cansativo! O meu gosto por viajar é um gosto por descobrir e conhecer. Descobrir e conhecer novos povos, novas culturas, novos hábitos, novos modos de vida diferentes dos meus, e beber do enriquecimento e sabedoria que a interacção com outras culturas nos concede.

PORQUE PRECISAMOS URGENTEMENTE DE SERVIÇOS SECRETOS EUROPEUS?

A Europa como a conhecemos atravessa um período de desafios de calibre elevado. O fluxo de refugiados, o descalabro líbio, o conflito sírio e a proliferação do Daesh a sul, o conflito ucraniano a leste, as pressões russas na fronteira com os Estados bálticos a norte, e a ameaça terrorista interna, constituem neste momento as maiores preocupações na esfera europeia.

OS MIÚDOS VADIOS QUE FERIRAM DE MORTE A CAPITAL FRANCESA

O dia 13 de Novembro foi, indelevelmente, um dia diferente para todos os Franceses. Primeiro um balanço terrificante das consequências de um massacre já com precedentes e, logo de seguida, a conclusão nada animadora de que ninguém está a salvo. Alguns ensinamentos são a retirar dos acontecimentos. A confusão, o estado de sítio e a falta de esclarecimento aproveitará sempre ao agressor no seu intento de nos subjugar.

SEGURANÇA

Segundo o relatório anual de segurança Interna publicado pelo Ministério da Administração Interna a criminalidade baixou no Alentejo, tendo os três distritos alentejanos reduzido a criminalidade num total de menos 605 crimes participados relativamente a 2013. Todos os Distritos Alentejanos sofreram igualmente uma baixa no rácio de crimes por cada mil habitantes.

A nível nacional o crime mais registado em todos os Distritos foi o de crimes contra o património, ocupando quase metade dos crimes em cada distrito num total de 191 390 crimes em 2014.