Está aqui

Seca meteorológica

Seca meteorológica terminou no Baixo Alentejo no final de novembro

A situação de seca meteorológica que ainda existia no Baixo Alentejo e Algarve terminou no final de novembro, com 62,3% do território em situação de chuva fraca, 33,6% em normal e 4,1% em seca fraca, segundo o último boletim climatológico do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com a Lusa, os dados dão ainda conta do aparecimento da classe de seca fraca (corresponde apenas a 4% do território) na região do Minho e Douro Litoral, devido aos baixos valores de precipitação que ocorreram nessa região, muito inferiores ao normal.

Alentejo e todo o país registam desagravamento da seca meteorológica

Portugal continental registou no final de outubro um desagravamento da situação de seca meteorológica em todo o território em relação a setembro, terminando mesmo no Alto Alentejo, enquanto que na região do Baixo Alentejo ainda se mantém a classe de seca fraca. Os dados são avançados pelo último boletim climatológico do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o IPMA, no final do mês de outubro, verificou-se um aumento generalizado em todo o território dos valores de percentagem de água no solo.