Está aqui

Sababa Portugal

Campo Maior aguarda luz verde do Infarmed para produzir canábis

Campo Maior, no Alto Alentejo, prepara-se para produzir canábis para fins medicinais, num projecto que resulta de uma “joint venture” canadiana/israelita e que prevê investir 16 milhões de euros na região.

O presidente da Câmara de Campo Maior, Ricardo Pinheiro, diz-se entusiasmado com o projecto que, como indicou, vai ser instalado numa área inicial de 4 hectares e inclui a construção de um centro de extração de canábis e a criação inicial de 50 postos de trabalho.