Está aqui

Risco de Incêndio

Onda de calor coloca vários concelhos de Portalegre em risco de incêndio

O tempo quente que se irá sentir nesta semana coloca os concelhos de Nisa, Marvão e Gavião, em Portalegre, em risco máximo de incêndio e os distritos de Santarém, Portalegre, Lisboa, Setúbal, Évora e Beja em alerta amarelo até às 21h do dia de hoje, 13 de julho.

Portalegre, Évora e Beja sob aviso laranja devido ao calor

Os distritos de Portalegre, Évora e Beja estão sob aviso laranja até às 21:00 do dia de hoje, devido à persistência de valores elevados na temperatura máxima, de acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Segundo o IPMA, a “situação de tempo seco e quente” deverá manter-se até meados da semana, prevendo-se “uma ligeira descida de temperatura na terça-feira”. Os valores da temperatura máxima podem aproximar-se de 40 e os 42 graus no interior do Alentejo.

Santarém, Portalegre e Beja com risco muito elevado de incêndio

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) revelou que o Alentejo apresenta, esta segunda-feira, um risco muito elevado de incêndio.

De acordo com a entidade, cerca de 50 municípios dos distritos de todo o país, incluindo Santarém, Portalegre e Beja, estão sob risco elevado. As temperaturas mínimas vão oscilar entres os 14 e os 36 graus Celsius em Évora e Beja, registando-se ainda uma subida da temperatura máxima nas regiões do interior.

Risco máximo de incêndio em Gavião, Nisa e Marvão

De acordo com a informação do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), Portalegre é um dos distritos com concelhos em risco máximo de incêndio: Gavião, Nisa e Marvão.

Há também mais concelhos de Portalegre e de Beja que foram classificados como estando em risco muito elevado de incêndio, num cálculo obtido a partir da temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas e numa escala com cinco níveis, que vão de reduzido a máximo, sendo o elevado o terceiro nível mais grave.

Alerta: Alto Alentejo em risco máximo de incêndio

Marvão, Nisa e Gavião estão em risco máximo de incêndio determinado pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). Ainda segundo o IPMA e para o restante território nacional, que se encontra em risco muito elevado ou elevado de incêndio, o valor da humidade relativa do ar diminuirá para entre 20% e 30% e mesmo durante a noite não se registarão valores superiores a 50%, inclusivamente no litoral. 

Quanto a temperaturas e até sexta-feira prevê-se uma subida gradual, variando entre os 30 e os 35 graus, podendo atingir valores superiores no interior (39).

 

TEMPERATURAS SOBEM NO ALENTEJO COM RISCO MÁXIMO DE INCÊNDIO

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje tempo quente com céu limpo, vento em geral fraco e com subida das temperaturas no Alentejo.

Estas vão variar em Portalegre entre 23 e 35 graus, em Évora e Beja entre 17 e 38 graus.

De acordo com o Instituto, em risco ‘extremo’ de exposição à radiação ultravioleta (UV) estão as regiões de  Évora e Portalegre e recomenda que se evite o mais possível a exposição ao sol.

Beja, Sines, estão com níveis de exposição à radiação ultravioleta ‘muito elevados’.