Está aqui

PSD

Críticas às culturas intensivas no Alentejo são "irresponsáveis e desinformadas"

O PSD do Baixo Alentejo já reagiu às recentes críticas lançadas particularmente pelos Os Verdes, PCP e BE às culturas intensivas no Alentejo. Depois de uma série de encontros com as associações empresariais e de produtores, como a OLIVUM- Associação de Olivicultores do Sul, a ACOS- Associação de Agricultores do Sul e  a AABA- Associação de Agricultores do Baixo Alentejo, onde foram demonstradas "sérias preocupações" com os crescentes ataques políticos às culturas intensivas no Alentejo.

Sociais Democratas debatem hoje o problema da fixação de jovens em Évora

António Costa da Silva, deputado pelo PSD em Évora, Fernando Negrão, líder Parlamentar do PSD e Margarida Lopes, líder da JSD nacional, debatem amanhã em Évora o problema da fixação de jovens na região. A iniciativa é feita no âmbito da 5ª edição das Jornadas da JSD Distrital de Évora, tem o tema 'Fixar Jovens no Distrito de Évora? e está inserida no Mês da Juventude de Évora.

Com início marcado para as 11h00 na Pousada da Juventude daquela cidade alentejana, o evento inclui um almoço debate.

 

Parlamento defende intervenção do Governo no estado de "abandono e degradação" do património megalítico no Alentejo

Estão todos localizados no Distrito de Évora e em "estado de abandono e de degradação" que merecem a "intervenção do Governo" como defendem os projetos de resolução ontem aprovados no Parlamento. Falamos do Cromeleque dos Almendres, Menir dos Almendres, Anta Grande do Zambujeiro e Cromeleque Vale Maria do Meio, ao que se inclui também a 'Villa' romana da Tourega, e que foi alvo de um outro projeto de resolução apresentados pelo PSD no Parlamento e aprovados por todos os partidos políticos, com excepção do PS que se absteve.

Costa da Silva critica cativações do Governo ao Turismo do Alentejo

O deputado do PSD eleito por Évora, António Costa da Silva criticou hoje o Governo por ter cativado 60% da verba a transferir para a Entidade Regional de Turismo (ERT) do Alentejo e Ribatejo, segundo alegações do próprio.

Costa da Silva considera que uma cativação desta monta inibe a atividade de um entidade que "tem tido um papel muito relevante no desenvolvimento da região". Para aquele deputado de Évora a dimensão da cativação à ERT põe mesmo em causa o funcionamento daquela entidade pública.

Gonçalo Valente é o novo líder da Distrital de Beja do PSD

Gonçalo Valente venceu as eleições de ontem, sábado 16, e tornou-se o novo presidente da Distrital de Beja do PSD.

Como o Tribuna Alentejo avançou ontem, existiam dois candidatos e Gonçalo Valente levou a melhor sobre Marciano Lopes numas eleições marcadas por acusações e polémica sendo que o candidato derrotado havia dito que, fossem quais fossem os resultados, impugnaria as eleições.

Beja PSD escolhe hoje novo líder envolto em polémica

Foi uma campanha nada pacífica a que leva hoje à escolha do novo líder da distrital de Beja do PSD.

Os candidatos Marciano Lopes e Gonçalo Valente concorrem para substituir o ainda líder João Guerreiro, mas a polémica, seja qual for o resultado, já está instalada pois Marciano Lopes já revelou pretender impugnar as eleições – seja qual for o resultado. Gonçalo Valente diz que esta atitude só tem um objetivo: descredibilizar a sua candidatura.

Rui Rio em périplo de dois dias por Évora

O Presidente do PSD vai estar em Évora nos próximos dias 24 e 25 de janeiro,  para participar na conferência “Nós e a Europa”, iniciativa que o PSD tem vindo a desenvolver desde o ano passado, sob o mote “o que a União Europeia pode fazer pelos Portugueses?” e que se enquadra na campanha para as eleições europeias que decorrem no próximo dia 26 de maio.

Rio em Évora. PSD em pré-campanha para as europeias

O Presidente do PSD vai estar em Évora no próximo dia 24 de janeiro, quinta-feira, para participar na conferência “Nós e a Europa”, iniciativa que o PSD tem vindo a desenvolver desde o ano passado, sob o mote “o que a União Europeia pode fazer pelos Portugueses?” e que se enquadra na campanha para as eleições europeias que decorrem no próximo dia 26 de maio.

Primeiro Portugal

Em todos os Estados onde se vive a prática democrática o papel da oposição é reconhecido pela sua importância. Em Portugal,  o papel que cabe à oposição é feito, em parte, pela imprensa, uma vez que se torna nas suas diversas formas, o meio mais difundido pela qual a população toma conhecimento do panorama politico e respetivos desvios de conduta, apesar do teimoso facciosismo de esquerda na mesma.

Ainda agora começou…

Estamos a começar a terceira semana de 2019 e parece que já temos matéria para um novo ano civil.

Começámos com a tomada de posse de Bolsonaro com o cumprimento de algumas promessas como por exemplo a retirada de autonomia a comunidades indígenas.

Continuámos com um canal generalista que esqueceu por completo a norma constitucional portuguesa que proíbe a publicidade a entidades fascistas ou fascizantes e a convidar um dos principais rostos dessas mesmas entidades para uma entrevista.

Páginas