Está aqui

Presépio

Évora, cante, chocalhos e barro de Estremoz representados em presépio

A cidade de Évora está representada num presépio exposto na Igreja de S. Francisco, na Praça do Giraldo, e que recria o nascimento de Jesus, com figuras feitas em barro de Estremoz.

Segundo a Lusa, esta nova “atração” da Igreja de S. Francisco é resultado de um projeto encomendado ao arquiteto António Bouça e representa Évora “da forma mais aproximada possível”, destacando “quatro valores culturais” do Alentejo classificados pela UNESCO como Património Mundial.

Elvas: presépios e roncas expostos no Forte de Santa Luzia

É na Capela do Forte de Santa Luzia que, até 6 de janeiro, pode visitar e apreciar um presépio organizado pela equipa de profissionais do Forte e que contaram com a colaboração do colecionador António Brinquete.

António Brinquete cedeu também parte das suas roncas para esta mostra que decorre num dos mais icónicos locais da cidade raiana alentejana.

A 21 de dezembro, sábado, o grupo de Roncas de Elvas vai proporcionar mais um concerto no Forte de Santa Luzia, após a atuação na abertura, no passado dia 8.

ALENTEJO ASSEGURA A ARTE DO PRESÉPIO TRADICIONAL PORTUGUÊS

O Centro UNESCO de Arquitetura e Arte deu o alerta: a arte do Presépio Tradicional Português está a definhar e poe mesmo vir a extinguir-se num curto prazo.

Assim, e de modo a reverter a situação, e assegurar o futuro desta arte e transmitir os seus preceitos aos mais novos, mesmo adaptando-a aos tempos de hoje, em Santiago do Cacém, decorre a construção de um Presépio Tradicional Português com a intervenção dos moradores do centro histórico da localidade do litoral alentejano.