Está aqui

Património Cultural Imaterial da Humanidade

Festas do Povo de Campo Maior são Património da Humanidade

As Festas do Povo de Campo Maior, no distrito de Portalegre, foram hoje classificadas como Património Cultural Imaterial da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO).

Festas de Campo Maior apreciadas para Património Imaterial

O comité da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) começa hoje, segunda-feira, a apreciar a candidatura das Festas do Povo de Campo Maior a Património Cultural Imaterial, avança o Correio da Manhã.

O processo de candidatura teve o seu início em 2014 por uma equipa multidisciplinar de sociólogos, historiadores e antropólogos, sendo promovido pela Câmara Municipal de Campo Maior, pela Associação das Festas do Povo de Campo Maior (AFPCM) e pela Entidade Regional de Turismo (ERT) do Alentejo e Ribatejo.

Bonecos de Estremoz assinalam 4 anos de Património da Humanidade

A Produção de Figurado em Barro de Estremoz – mais conhecidos como bonecos de Estremoz – faz hoje quatro anos, um aniversário que será assinalado pelo município de Estremoz numa sessão transmitida online.

Os bonecos de Estremoz foram distinguidos pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), a 7 de dezembro de 2017, como Património Cultural Imaterial da Humanidade.