Está aqui

Observatório do Baixo Alentejo

Observatório do Baixo Alentejo defende gabinete de gestão do aeroporto de Beja

O Observatório do Baixo Alentejo (OBA) defende, em comunicado, a criação de um Gabinete para gestão da plataforma logística do aeroporto de Beja, avança a Rádio Pax.

Para o OBA, este gabinete é essencial para capacitar o aeroporto, permitindo a instalação e o desenvolvimento das atividades empresariais. Tal surge na sequência de uma das falhas detetadas pelo OBA, que consiste na dificuldade que as empresas têm em se instalarem na zona logística do aeroporto de Beja.

Apresentação do Observatório do Baixo Alentejo decorre a 28 de outubro

A sessão de apresentação pública do Observatório do Baixo Alentejo (OBA) vai decorrer amanhã, dia 28 de outubro, pelas 16.00 horas, numa iniciativa que conta com a presença de António Costa Silva, autor e coordenador do Plano de Recuperação Económica de Portugal 2020/2030.

De acordo com a Rádio Pax, nesta sessão, que será transmitida online a partir da página de Facebook do OBA, vão ser apresentados os objetivos, a ação e a visão que o Observatório do Baixo Alentejo tem para o Baixo Alentejo nas próximas décadas.

Observatório do Baixo Alentejo defende desenvolvimento da região em Lisboa

O Observatório do Baixo Alentejo reuniu-se, em Lisboa, com António Costa Silva, gestor e professor do Instituto Superior Técnico e autor da “Visão Estratégica para o Plano de Recuperação 2020/2030”.

Durante o encontro, o grupo analisou as propostas do Observatório do Baixo Alentejo para o desenvolvimento da região, apresentadas durante o período de consulta pública do documento que baliza as prioridades de investimento para a próxima década.

Observatório do Baixo Alentejo defende região em proposta ao Governo

O Observatório do Baixo Alentejo (OBA), entidade associativa em fase de constituição, defende que o Baixo Alentejo se deve assumir “como motor para a criação do supraterritório do Sudoeste Ibérico”, numa proposta apresentada ao Governo, no âmbito da audição pública da Visão Estratégica para o Plano de Recuperação Económica de Portugal (PREP) 2020-2030.