Está aqui

Obras de requalificação

Teatro Garcia de Resende em Évora volta à agenda cultural em junho

O Teatro Garcia de Resende, em Évora, vai voltar a constar na agenda cultural da cidade, a partir de junho, após mais de um ano sem acolher espetáculos, devido a obras de reabilitação.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Câmara de Évora, Carlos Pinto de Sá, afirmou que “as obras estão em conclusão, segue-se um período de limpeza e de reequipamento, durante os meses de abril e maio, e o teatro, provavelmente, abrirá no início de junho”.

Alcácer do Sal investe 1 milhão nas muralhas do Castelo

A Câmara Municipal de Alcácer do Sal, em conjunto com a Direção Regional de Cultura do Alentejo - DRCALEN, vai recuperar as muralhas do Castelo de Alcácer, num investimento previsto de cerca de 1 milhão de euros, com comparticipação financeira de fundos comunitários em 85%.

Em comunicado, a autarquia refere que este projeto se tornou “imperativo dados os problemas estruturais apresentados pelas muralhas do Castelo de Alcácer do Sal, que carecem de uma intervenção urgente de consolidação”.

Deputados e autarquia de Serpa exigem obras urgentes na via EN260

A Câmara Municipal de Serpa, em comunicado, mostrou-se preocupada com a “grave degradação do piso da Estrada Nacional 260, entre Vila Verde de Ficalho e Vila Nova de São Bento”, associando-se, “mais uma vez”, àquela que diz ser “a luta mais do que justa das populações do concelho”.

Sines dá início à requalificação da Costa do Norte

A Câmara Municipal de Sines deu início aos trabalhos de requalificação do Canto Mosqueiro e suporte à visitação da Costa do Norte, empreitada adjudicada pelo montante de 399 mil 494 euros, avança o Jornal Sudoeste.

De acordo com a autarquia, a intervenção tem “dois objetivos principais”, a começar pela qualificação da zona envolvente ao restaurante “Estrela do Norte”, “criando uma bolsa de estacionamento e recuperando os acessos à praia”.

Além disso, “o segundo [objetivo] é formalizar um percurso em passadiço pedonal/ ciclável no sentido poente”, acrescenta o município.

Moura dá início às obras de requalificação da Estrada Nacional 255

A Câmara Municipal de Moura anunciou que os trabalhos de requalificação da Estrada Nacional 255 (Estrada da Amareleja), que irão permitir a construção de uma nova via pedonal, já tiveram início.

Em nota publicada, a autarquia refere que o investimento da empreitada ronda os cerca de 837 mil euros, beneficiando de uma taxa de cofinanciamento de 85%, no âmbito do Programa Alentejo2020.

“Esta é mais uma intervenção que se insere na estratégia de desenvolvimento local, que assenta em vários pilares, entre os quais a requalificação do espaço público”, pode ler-se na nota.

Biblioteca Municipal de Estremoz abre ao público ainda este ano

A Biblioteca Municipal de Estremoz vai abrir ao público num novo espaço até final de junho, após obras de requalificação desse edifício, no valor de 2,5 milhões de euros, revelou o presidente do município à agência Lusa.

Câmara do Crato investe 186 mil euros em requalificação urbana de bairro

A Câmara Municipal do Crato anunciou que vai avançar com o projeto de requalificação urbana do Bairro D. Maria Inocência Lemos de Sá Nogueira, para a demolição das casas pré-fabricadas de madeira, que não reúnem condições necessárias para habitação e espaços verdes envolventes.

Segundo a autarquia, esta obra é resultado de um investimento de 186 mil euros, com comparticipação de 85% pelo Portugal 2020, estando previsto o seu arranque durante este ano.

Vila Viçosa investe 613 mil euros na reabilitação do Cineteatro Florbela Espanca

O Cineteatro Florbela Espanca, em Vila Viçosa, encerrado há nove anos, vai ser reabilitado por iniciativa da câmara, num investimento superior a 613 mil euros, com apoios comunitários.

A informação foi divulgada pelo vice-presidente do município, Luís Nascimento, que indicou à agência Lusa que a obra está prevista começar neste primeiro trimestre e ficar concluída em 2022.

Biblioteca Pública de Évora já reabriu ao público após obras de requalificação

A Biblioteca Pública de Évora, que esteve encerrada durante um ano devido a obras de requalificação no valor de meio milhão de euros, já reabriu ao público.

Em declarações à Rádio Elvas, Zélia Parreira, diretora da Biblioteca Pública de Évora, afirmou que esta biblioteca bicentenária não sofria obras há 80 anos e foi necessário intervir no interior do edifício para preservar o espaço existente.