Está aqui

Nascimentos

Vale do Guadiana tem a maior taxa de nascimentos de linces da Península Ibérica

A taxa de nascimentos na população de linces ibéricos no Vale do Guadiana é a mais elevada da Península Ibérica, revelam os resultados dos censos 2019 divulgados esta quarta-feira pelo Instituto da Conservação da Natureza e Florestas (ICNF).

Estes dados, citados pela agência Lusa, indicam que a taxa de nascimentos (taxa de produtividade) no Vale do Guadiana é a mais elevada na península, sendo que, em 2019, das 13 ninhadas referenciadas, três geraram cinco crias cada uma, quando anteriormente o máximo registado foi de quatro crias por ninhada.