Está aqui

Museu da Tapeçaria de Portalegre – Guy Fino

Portalegre com 420 mil euros para promover Tapeçarias

É uma aposta da Câmara Municipal de Portalegre: promover e dar o devido destaque às Tapeçarias. Para tal, está a desenvolver dedicado à valorização e projeção desse património a nível nacional e internacional.

Este projeto da Câmara Municipal de Portalegre representa um investimento de 420 mil euros, com 294 mil euros a ser da responsabilidade do Programa Valorizar do Turismo de Portugal.

O objetivo da autarquia é estender a promoção da Tapeçaria de Portalegre, dentro e fora de portas, dando também um novo impulso a esta arte distintiva do concelho.

Almada Negreiros, Vieira da Silva, Júlio Pomar expostos versão tapete em Portalegre

Em Portalegre, a exposição “O Ponto e o Pixel” junta no mesmo espaço nomes como Almada Negreiros, Vieira da Silva, Lourdes Castro, Carlos Botelho ou Júlio Pomar, entre muitos outros.

Com curadoria de Susana Pires e Plano Expositivo do Arq. Rui Órfão, a exposição está patente no Museu da Tapeçaria de Portalegre Guy Fino - de 3ª a domingo, das 9h30 às 13h00 e das 14h30 às 18h - esta exposição dá a conhecer as tapeçarias dos CTT – Fundação Portuguesa das Comunicações e da Manufatura de Tapeçarias de Portalegre.

PORTALEGRE INVESTE 400 MIL EUROS NO MUSEU DA TAPEÇARIA - GUY FINO

O Museu da Tapeçaria de Portalegre – Guy Fino vai sofrer obras de requalificação e ampliação, numa intervenção que, segundo o município de Portalegre, arranca no mês de fevereiro. As obras, que serão financiadas em 90% pelo Turismo de Portugal, estão estimadas em 400 mil euros e decorrerão até ao final do ano e de forma faseada para que o museu possa continuar aberto ao público.