Está aqui

Mortalidade

Morreram mais de 1000 pessoas no Alentejo em janeiro

Em janeiro de 2021 morreram 1321 pessoas no Alentejo, mais do dobro que o número de óbitos registados no ano passado (648), revelam os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).

De acordo com estes dados, citados pela Rádio Pax, há registo de mais 673 mortes, 587 das quais em pessoas com mais de 74 anos de idade. O Baixo Alentejo não foge à tendência e regista, também, um aumento no número de óbitos. Este ano já perderam a vida 263 pessoas com mais de 74 anos de idade, enquanto que no ano passado tinham sido 130.

Alentejo com o maior número de mortes por 100 mil habitantes em janeiro

É reconhecido por todos que janeiro foi o mês mais negro da pandemia da Covid-19 em Portugal, um facto que influencia fortemente o número total de óbitos registado.

Dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) mostram que a terceira semana de janeiro foi mesmo a que registou mais mortes a nível nacional desde o início da pandemia com 4.898 óbitos, devendo-se 34,6% deste número à Covid-19.