Está aqui

Lixo

Portalegre monitoriza contentores do lixo em tempo real

Portalegre implementou um projeto de monitorização de contentores do lixo em tempo real.

A autarquia revelou que, em 40 contentores do centro histórico da cidade, foram colocados sensores que permitirão aos serviços municipais saber, em tempo real, o volume, temperatura e localização dos referidos contentores, permitindo desta forma melhorar as rotas e otimizar o serviço de recolha, bem como promover a diminuição efetiva das emissões de Dióxido de Carbono para a atmosfera.

Jovens querem Évora mais limpa

Está a ser organizada por um grupo de jovens de Évora está a organizar uma ação de voluntariado ambiental.

Decorrerá no próximo domingo, dia 30 de agosto, e consistirá na recolha do lixo existente junto ao antigo Skate Parque, numa iniciativa que conta com o apoio da Câmara Municipal de Évora.

Esta ação levada a cabo por jovens voluntários do grupo “Pés na Terra” visa sensibilizar a população para uma das mais básicas regras de higiene e limpeza pública: a utilização de papeleiras e de caixotes de lixo.

Baixo Alentejo faz balanço positivo na recolha de resíduos porta a porta

Para mais de 7000 habitantes dos municípios de Barrancos, Beja, Mértola, Moura, Ourique e Serpa a recolha, tratamento e valorização de resíduos é feita pela empresa intermunicipal Resialentejo, e que desenvolveu e implementou um projeto de recolha de resíduos porta a porta.

Agora, cerca de dois meses depois, foi feito um balanço que a empresa considerou “bastante positivo” a vários níveis como no do incremento da quantidade de materiais recicláveis recolhidos e na adesão dos munícipes.

Ourique inova na recolha do lixo

Um novo processo de recolha do lixo terá início em Ourique numa iniciativa da Câmara de Ourique e da empresa intermunicipal Resialentejo.

Este projeto-piloto consistirá na recolha de lixo "porta-a-porta" e que permitirá identificar quem faz que tipo de lixo e se faz, ou não, reciclagem, e onde os munícipes só pagarão os resíduos que produz.

O sistema "Pay as you throw" (PAYT) será implementado a partir do dia 1 de janeiro numa fase inicial que abrange 30% da população da vila de Ourique.