Está aqui

IEFP

Beja: IEFP temporariamente encerrado

O IEFP - Serviço de Emprego de Beja será temporariamente encerrado para obras, a partir da próxima segunda-feira, dia 3 de setembro.

Por um período de seis meses, informa a entidade em comunicado, o atendimento a utentes e entidades passará a realizar-se no Centro Distrital da Segurança Social de Beja, na rua Prof. Bento de Jesus Caraça, nº 25, das 09h às 16h.

As obras visam a melhoria das condições de acessibilidade e de atendimento aos utentes..

 

Imagem de accoua.com

 

FUTUROS OLEIROS ALENTEJANOS EXPÕEM "PRESÉPIOS DE VIANA"

Até dia 18 de dezembro está patente ao público, no antigo Posto de Turismo de Viana do Alentejo, a exposição “Presépios de Viana”, dos alunos do curso de oleiro que está a decorrer, na antiga cantina, em Viana do Alentejo.

Os presépios expostos são composições dos 16 formandos que frequentam o curso de olaria e que surgiu de uma parceria entre o Instituto de Emprego e Formação Profissional/Centro de Formação Profissional e o Município de Viana do Alentejo, com vista a recuperar uma arte tradicional que está em vias de extinção naquele concelho alentejano.

PORTEL DISTINGUIDA PELAS SUAS POLÍTICAS DE EMPREGO

O TeatroThalia em Lisboa foi ontem palco da entrega da distinção Entidades Empregadoras Inclusivas, uma distinção pública às boas práticas de gestão abertas e inclusivas, desenvolvidas por entidades empregadoras relativamente às pessoas com deficiência e incapacidade.

INSCRITOS NOS CENTROS DE EMPREGO DO ALENTEJO EM QUEDA

O número de desempregados inscritos em Novembro passado no Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) voltou a manter-se abaixo dos 500 000 pelo quinto mês consecutivo, sendo que e quando comparado com o perí0do homólogo representa uma quebra de 11,6%, ou seja, menos 63.816 pessoas inscritas.

SINES: ALUNOS IEFP "DEPOSITAM" VINHO NO FUNDO DO MAR

A iniciativa é da autarquia de Sines e da Associação de Produtores de Vinho da Costa Alentejana (APVCA) que submergiram para maturação garrafas de vinho no fundo do Porto de Recreio de Sines, a  propósito da regata de grandes de veleiros comemorativa dos 150 anos da Confederação do Canadá, que partirá do Reino Unido e passará por Sines (Portugal), Bermuda e Estados Unidos, até chegar ao destino final, o país “aniversariante”, em 2017.

IEFP AMPLIA AS SUAS PARCERIAS NO ALENTEJO

Os quatro Centros de Emprego e Formação Profissional do Alentejo vão aumentar a rede de parceiros da iniciativa "Garantia Jovem" na região. Assim, os centros de emprego de Beja, Alentejo Litoral, Évora e Portalegre estão a assinar acordos com várias entidades regionais, visando a constituição de uma rede articulada de parceiros que possa sinalizar, apoiar e encaminhar os jovens que se encontram fora do ensino, do mercado de trabalho e que também não estejam registados no Instituto de Emprego e Formação Profissional.

DESEMPREGO EM ÉVORA É MAIOR DO QUE DIZ O IEFP

A acusação foi feita pela União dos Sindicatos do Distrito de Évora (USDE), afecta à CGTP, pela voz de Valter Lóios, em declarações à agência Lusa, na apresentação ontem um estudo social sobre a região.

Segundo os dados apresentados são neste momento entre 18 000 e 20 000 os desempregados no Distrito de Évora, quase o dobro dos avançados nas listas do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), publicadas em Fevereiro (10 700 desempregados).

IEFP ALENTEJO COM ESTRATÉGIA PROACTIVA NA REGIÃO

O Instituto de Emprego e Formação Profissional do Alentejo, que tem uma nova equipa dirigente liderada por Arnaldo Frade, está a desenvolver um conjunto de reuniões de coordenação da atividade por toda a região, com o objectivo de trabalhar com maior proximidade com autarcas, empresas e entidades, e integrarem um maior número de trabalhadores ou estagiários nesses locais.

DESEMPREGO CONTINUA A SUBIR

O IEFP conta com mais 43 mil desempregados desde Julho de 2015. Segundo os últimos dados disponíveis o desemprego registado está a aumentar há sete meses e as mulheres com ensino secundário representam o maior grupo de desempregados. Em Fevereiro deste ano, o Instituto de Emprego e Formação Profissional registou quase 756 mil pessoas sem emprego, o que representa um aumento de 1% face a janeiro e significa mais 5600 portugueses sem emprego.

DESEMPREGO: ALENTEJO É EXCEÇÃO À SUBIDA

No passado mês de novembro, o número de desempregos inscritos nos centros do IEFP – Instituto de Emprego e Formação Profissional, subiu 3%, em termos homólogos, para os 64.695.

A liderar a subida está o Algarve com um aumento de 9,1% e só o Alentejo não apresenta um aumento de desempregados.

Páginas