Está aqui

Festival B

É com B de Beja o Festival que se segue

Começa esta sexta o Festival B, em Beja, e que aspira ser o festival de todos os patrimónios, juntando o Cante Alentejano, o fado e os petiscos, três Patrimónios Imateriais da Humanidade.

O Festival vai acontecer pelos espaços mais emblemáticos da cidade alentejana e pretende estar sempre ligado às raízes e tradições alentejanas e mediterrânicas. Não aspira bater recordes de assistência e pretende primar pela qualidade, e quer simplesmente ser um festival diferenciado, que decorre de 22 a 24 de junho.

 

Fique com o programa completo:

 

22 de Junho

Beja vai banir o plástico no célebre Festival dos quatro Bês

O Festival B, de Beja, do Baixo Alentejo, de Bienal e de Bitemático, baniu copos e pratos de plástico no evento, substituindo-os por copos e pratos de cartão biodegradáveis, que serão distribuídos nas áreas de comes e bebes.

Segundo Paulo Arsénio, presidente da Câmara Municipal de Beja, que é a promotora do evento, trata-se por um lado de reduzir o consumo de plástico e por outro de sensibilizar a população para as questões ambientais

O Festival B decorre em Beja entre 22 e 24 de junho e é inteiramente dedicado ao Cante, ao Fado e à gastronomia alentejana.

Cante, Fado e Gastronomia num único Festival em Beja

Já tem data marcada o próximo FESTIVAL B, um Festival dedicado à celebração e promoção dos patrimónios imateriais da humanidade: O Cante, O Fado e a Gastronomia Mediterrânica e nesta edição em particular, uma atenção cuidada a Mariana Alcoforado, a apaixonada freira do século XVIII, imortalizada em 5 cartas de amor que agitaram a sociedade europeia de então. Beja recebe a próxima edição do evento entre 22 e 24 de junho, já a respirar verão e que conta com as participações de Celina da Piedade, Marco Rodrigues, Valas, Ricardo Ribeiro, Monda, Alentejo Cantado e António Caixeiro.