Está aqui

Ferrovia

Plano Ferroviário Nacional inclui linha Évora-Elvas e corredor piloto em Sines

O Plano Ferroviário Nacional foi ontem, dia 17 de novembro, lançado para discussão pública, após ter sido apresentado no Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC), em Lisboa.

Neste documento, prevê-se que a linha de alta velocidade sirva as 10 maiores cidades de Portugal e que nela existam também várias ligações a Espanha, competindo, desta forma, com o automóvel e o avião. 

Estas informações foram divulgadas, de acordo com a agência Lusa, por Frederico Francisco, coordenador do grupo de trabalho responsável pela elaboração do Plano Ferroviário Nacional.

Serpa: Assembleia Municipal exige melhorias nas acessibilidades e mobilidade

A Assembleia Municipal de Serpa, no distrito de Beja, exige que seja feito um maior investimento na rodovia, na ferrovia e no Aeroporto de Beja, de forma a melhorar as acessibilidades e a mobilidade na região.

Esta posição integra, de acordo com a agência Lusa, uma moção apresentada pela CDU e aprovada na última reunião da assembleia municipal, com 23 votos favoráveis dos comunistas, do PS e do PSD e três abstenções do Chega.

Troço da Linha do Sul vai ser modernizado por 6 milhões de euros

A Infraestruturas de Portugal (IP) acabou de consignar a empreitada de modernização do troço da Linha do Sul entre Ermidas-Sado e Grândola Norte, num investimento de cerca de seis milhões de euros.

Em comunicado, citado pela Lusa, a IP anunciou que a cerimónia de assinatura do auto de consignação foi realizada quinta-feira à tarde, na sede da empresa.

IP investe 6 milhões na reabilitação da ferrovia da Repsol em Sines

O ramal ferroviário de acesso ao complexo petroquímico da Repsol em Sines vai ser reabilitado, num investimento de cerca de seis milhões de euros, anunciou a Infraestruturas de Portugal (IP).

De acordo com a agência Lusa, a realização da intervenção, que deverá estar concretizada até 2024, foi oficializada com a celebração de um protocolo entre a IP e a Repsol, na passada quarta-feira.

CP ainda não encomendou novos comboios para linhas regionais

A CP foi autorizada a comprar 22 novos comboios para o serviço regional em setembro de 2018, contudo, o novo material circulante ainda não foi encomendado, esperando-se que as 22 unidades apenas cheguem no final de 2024.

De acordo com o Dinheiro Vivo, a primeira aquisição de novos comboios está parada no Tribunal de Contas (TdC), que aguarda mais esclarecimentos da empresa pública ferroviária.

Obras na ferrovia prometem aproximar Alentejo da Europa

As obras de construção da nova linha férrea entre Évora e Elvas/Caia, inserida no futuro Corredor Internacional Sul, prosseguem sem percalços, apesar da pandemia de covid-19.

De acordo com a Renascença, a nova Linha de Évora, que começa a tomar forma, vai ter uma extensão total de cerca de 100 quilómetros e integra o chamado Corredor Internacional do Sul (CIS), entre Sines, Poceirão e Badajoz. São 100 quilómetros que deixam a região alentejana mais perto da Europa, e “a maior obra ferroviária dos últimos 100 anos em Portugal”.

Ligação ferroviária mais curta vai permitir a Sines captar cargas do interior de Espanha

Marco Vale, director-geral da MSC Portugal, concedeu uma entrevista ao Jornal de Negócios – a conversação, conduzida pela jornalista Maria João Babo, abordou o sempre debatido dossier da ferrovia nacional – e os recorrentes atrasos na execução dos investimentos programados pelo Executivo – e articulação e ligação do transporte ferroviário de mercadorias com o sistema portuário nacional e, mais especificame

Corticeira Amorim vai desenvolver interiores do primeiro comboio português

A CP juntou a Faculdade de Engenharia do Porto, o Instituto Superior Técnico e empresas como a Corticeira Amorim, a Efacec ou a Siemens para criar o primeiro comboio português. A notícia, que está a ser avançada pelo Público, refere que o primeiro comboio português vai ter o motor desenvolvido pela Efacec, a caixa pela Salvador Caetano, os moldes, cablagens e portas pela Associação de Fabricantes Indústria Automóvel, os interiores pela Almadesign e a Amorim e o grupo Sermec, especialista em metalomecânica de precisão e que trabalha com a Airbus.

Empreitada de 130,5 milhões do troço ferroviário entre Alandroal e Elvas assinada hoje

A cerimónia de assinatura do auto de consignação da empreitada do troço Alandroal/Elvas, da linha Évora – Caia, teve lugar hoje, segunda-feira, 4 de novembro, no salão nobre dos Paços dos Concelho da Câmara Municipal de Elvas.

A assinatura dos documentos foi presidida pelo ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, e contou com a presença de autarcas da região, entidades civis e militares, bem como de altos responsáveis do governo da Extremadura, nomeadamente a diretora geral de Transportes, Eva Velasco, e o Alcaide de Badajoz, Francisco Fragoso.

Empreitada do troço ferroviário Alandroal/Elvas consignada na próxima segunda-feira

A cerimónia de Assinatura do Auto de Consignação da Empreitada do Troço Alandroal/Elvas, da linha Évora – Caia, vai realizar-se na próxima segunda-feira, dia 4 de novembro, pelas 10.20 horas, no Salão Nobre do edifício Paços do Concelho da Câmara Municipal de Elvas, numa iniciativa que será presidida pelo Ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos.

Páginas